Campeonato Amazonense de Jiu-Jítsu acontece neste fim de semana

Mais de três mil atletas se inscreveram para participar do campeonato.
18/04/2015 07h10 - Atualizado em 17/04/2015 23h29
Fotos: Antônio Lima

A 28ª edição do Campeonato Amazonense de Jiu-Jítsu obteve recorde no número de atletas inscritos. Serão mais de três mil atletas competindo no principal torneio de arte suave do Estado, a ser realizada nos dias 18, 19 e 21 deste mês, a partir das 10h, na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, Flores, na zona Centro-Sul de Manaus.

Organizado pela Federação de Jiu-Jítsu do Amazonas (FJJAM), o campeonato conta com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), e terá entrada gratuita para o público que deseja acompanhar os confrontos.

As inscrições estão encerradas e o cronograma oficial das chaves das disputas está disponível na fan page do FJJAM no Facebook, a partir desta quinta-feira, 16. Para os atletas vencedores de cada categoria, serão distribuídos brindes e medalhas, conforme a classificação final, além de pontuação no ranking da FJJAM. As academias campeãs serão premiadas com troféus.

De acordo com o presidente em exercício da FJJAM, Guto Monteiro, o campeonato espera a participação de cerca de mais de três mil atletas e conta com a presença da comunidade na torcida. “Estamos ansiosos para este evento. É um grande orgulho receber o apoio dos atletas que se inscreveram, uma vez que tivemos o notável número de mais de três mil atletas inscritos. Contamos com o apoio da comunidade em geral para prestigiar este evento”, disse.

O evento será aberto a todos os atletas de jiu-jítsu, de ambos os sexos, inscritos regularmente e pertencentes a todas as faixas (branca a preta). As disputas serão das categorias Pré-Mirim (4 anos) a Master.

Professor e atleta da academia que leva seu nome, Omar Salum, 39, é faixa preta de jiu-jítsu e compete há 21 anos. Salum já conquistou 13 títulos amazonenses e 17 mundiais da modalidade. “O campeonato amazonense é de alto nível. Na minha opinião, só perde para o mundial. Quem medalha no amazonense, medalha em qualquer outra competição”, declarou o lutador.

Disputando o Campeonato Amazonense pela terceira vez, para Brenda da Silva, 16, faixa azul de jiu-jítsu pela Associação Monteiro, a competição é a mais aguardada do ano. “Estou na expectativa. É uma das principais competições da região. O nível técnico é alto. Estou nervosa, mas treinei bastante e estou preparada. Confiante de que irei pontuar no ranking”, enfatizou Brenda.

Para o secretário da Semjel, Elvys Damasceno, é notável o crescimento e destaque que o Jiu-Jítsu vem obtendo recentemente. “O jiu-jítsu passou a ser um esporte cada vez mais acessível a todos e é gratificante ver que Manaus tem acolhido cada vez mais esta modalidade. O Campeonato irá servir de certo modo como uma forma de analisar novos atletas e promessas para o esporte amazonense”, explica Damasceno.

Cronogroma

As categorias e faixas a serem disputadas foram definidas conforme os dias da competição, que ficaram assim:

– 18/04 (sábado): Pré-mirim a Juvenil (04 a 17 anos), faixa Branca e Graduado (masculino e feminino);

– 19/04/ (domingo): Faixa Branca, Azul e Roxa (Adulto e Master, masculino e feminino);

– 21/04/15 (terça-feira): Faixa Marrom e Preta (Adulto e Master, masculino e feminino).


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso