25/06/2015 16h36 - Atualizado em 5/05/2016 03h38

Bando que tentou roubar e matar promotor é preso em Manaus

Foto: Divulgação PC
Foto: Divulgação PC

Na manhã desta quinta-feira, 25, por volta das 9h30, o delegado titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), Adriano Felix, apresentou Wesley Bezerra Silva, 23; Arlison Teixeira Sousa, 30; Ivon de Souza Santana, 27; e Andrey Passos Marinho, 19, envolvidos em latrocínio tentado ocorrido no dia 15 de maio deste ano, no bairro Ponta Negra, zona Oeste, tendo como vítima o promotor de Justiça Paulo Stélio Sabbá Guimarães.

O bando foi preso na última terça-feira, 23, em cumprimento a mandados de prisão expedidos no último dia 19 de junho, pelo juiz de Direito da 1ª Cara Criminal, Luiz Alberto. Wesley foi encontrado por volta das 9h30, na Rua Rio Barbosa, em Maués, município distante 276 quilômetros em linha reta de Manaus. Arlison teve o mandado de prisão cumprido às 11h, em via pública, nas proximidades da Feira do Mutirão, bairro Amazonino Mendes, zona Norte.

Ainda na tarde de terça-feira, por volta das 14h, Andrey Passos foi preso na residência dele, situada na Rua Dom Bosco, bairro Cidade de Deus, zona Norte. Por fim, os policiais civis prenderam Ivon, às 15h, no momento em que ele caminhava pela Avenida Margarita da Comunidade Raio de Sol, bairro Cidade Nova, zona Norte.

Participaram também da coletiva de imprensa realizada na sede da Derfd, no bairro Alvorada, zona Centro-Oeste da cidade, o delegado geral de Polícia Civil, Orlando Amaral; a secretária da Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai), Tâmera Assad, representando o secretário da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-AM), delegado federal Sérgio Fontes; o procurador-geral de Justiça em exercício, Pedro Bezerra, do Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM); além do presidente da Associação Amazonense do Ministério Público (AAMP), Reinaldo Nery, e do procurador de Justiça Mauro Veras.

Crime

De acordo com Adriano Felix, a quadrilha é especializada em praticar roubos a agências bancárias. Wesley era o mentor do bando e Arlison forneceu o veículo utilizado pelos infratores para cometer o delito. Andrey e Ivon são os dois homens que aparecem no vídeo. O primeiro efetuou os disparos e o último é o que entra no carro do promotor de Justiça pela janela do passageiro.

No dia do fato os homens se prepararam para abordar uma pessoa que havia feito um saque no valor de R$ 50 mil em um banco localizado na Avenida Eduardo Ribeiro, Centro de Manaus. A possível vítima estava em uma Hilux de cor branca e ao sair da agência bancária foi seguida pelo grupo.

“Em um determinado momento do percurso, quando eles trafegavam pela Avenida Coronel Teixeira, zona Oeste, os infratores começaram a seguir o carro que pertence ao promotor de Justiça, também modelo Hilux, de cor branca, depois de confundirem os automóveis”, explicou Adriano Felix.

O delegado titular ressaltou, ainda, o apoio do secretário da SSP-AM, Sérgio Fontes, por ter disponibilizando uma aeronave para o cumprimento de mandado no município de Maués. Na ocasião, reforçou, também, a parceria com os membros do Ministério Público do Estado. O promotor Pedro Bezerra disse que o trabalho da polícia foi eficaz e parabenizou todas as pessoas envolvidas na ação.

Durante pronunciamento, Orlando Amaral destacou o trabalho eficiente das equipes da especializada e reforçou que o sucesso do trabalho se deu, além da ajuda das imagens fornecidas, pela experiência dos policiais civis que atuam na Derfd. “São servidores competentes que estão acostumados a trabalhar em casos complexos. Sabem analisar e compreender as circunstâncias dos crimes”, argumentou.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505