26/06/2015 17h13 - Atualizado em 26/06/2015 17h20

Infraestrutura e turismo têm investimentos de R$ 23 milhões, diz José Melo

A informação foi dada pelo governador nesta sexta-feira em Parintins.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O governador do Amazonas, José Melo, desembarcou na manhã desta sexta-feira, 26 de junho, em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), para acompanhar a noite de abertura do 50º Festival Folclórico dos bois-bumbás Garantido e Caprichoso. Recebido com grande festa por brincantes das duas agremiações no Aeroporto Regional Júlio Belém, José Melo exaltou a importância do festival para o fortalecimento do turismo e destacou investimentos, da ordem de R$ 23 milhões, que estão sendo feitos pelo Governo do Estado para melhorias na infraestrutura e na recepção turística da cidade.

De acordo com o governador, as obras serão reforçadas com a chegada do verão. A cidade na calha do Baixo Amazonas é uma das 46 em situação de emergência por conta da cheia dos rios, segundo a Defesa Civil. A situação tem prejudicado o andamento de obras.

“Aqui em Parintins temos alguns investimentos. Uns já em andamento, que é o caso da orla dos bairros da Francesa e União. Três trechos da orla da cidade contratados e que nesse verão vão caminhar, e mais outros três trechos com projeto em articulação com o senador Omar (Aziz) para obtenção de recursos junto ao Ministério das Cidades. Estamos atuando no Palmares, com sistema de asfaltamento e no Itaúna 1 e 2”, destacou José Melo.

Em Parintins, o cronograma de obras da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra) contempla ações nas áreas de educação, urbanização e infraestrutura. Entre os projetos em fase de execução, está a construção de laboratórios e núcleos de estudos da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), o recapeamento asfáltico do sistema viário e a urbanização dos bairros União e Djard Vieira.

Outro investimento importante em andamento é na contenção de erosões, trabalho que permitirá reduzir danos à população durante as cheias e requalificar a orla do município para a atração turística. A lagoa da Francesa e o bairro Santa Clara estão incluídos no cronograma da Seinfra. O projeto contempla serviços de terraplanagem, pavimentação asfáltica, construção de escadaria em concreto estrutural armado e praça de alimentação na orla dos dois pontos.

Novo cartão-postal – José Melo afirmou que a meta é requalificar a orla de Parintins em uma extensão de mais de dois quilômetros, criando um novo cartão-postal. O projeto está em análise no Ministério das Cidades, e conta com apoio do senador Omar Aziz nas negociações para liberação de recursos. “Com o projeto, devemos ter este ano obras que vão desde o matadouro até o São Benedito. Alcançaremos 2.170 metros de orla revitalizados, com ciclovias e outros arranjos importantes. Além de proteger a frente da cidade contra o desbarrancamento, será um novo cartão-postal esse trabalho nessa orla”, disse.

O projeto apresentado ao Ministério das Cidades contempla 1.180 metros de orla nos bairros da Francesa, São Benedito e São José, inclui três pontos: a orla do Hospital Jofre Cohen, orla da Praça do Cristo e orla da Praça de São Benedito. Com as novas obras, o Governo do Amazonas completará a recuperação de 2.170 metros de orla da cidade, requalificando o espaço como atrativo turístico e como opção de lazer e para desenvolvimento de atividades esportivas, tanto para a população quanto para visitantes.

A primeira etapa do projeto de requalificação da orla, numa extensão de 920 metros, conta com recursos do Ministério da Integração, com obras que devem avançar no período do verão.

A desativação do lixão e a construção de um aterro sanitário controlado também estão entre os projetos prioritários do Governo do Estado para Parintins. “O Omar destacou recursos, mas a licença não saiu e os órgãos não entraram em acordo. Parintins não comporta mais ter uma lixeira a céu aberto no coração da cidade”, afirmou. A proposta é construir o aterro controlado na comunidade Vila Amazônia. Um termo de ajustamento de conduta, com obras de compensação, está sendo costurado para selar o acordo de construção do aterro.

Festival de Parintins – Uma das maiores festas populares do país, o Festival Folclórico de Parintins abre nesta sexta-feira a primeira das três noites de apresentação dos bumbás Caprichoso e Garantido. Com toda a estrutura preparada para receber um público de turistas estimado em 60 mil pessoas, a cidade está em clima de festa.

José Melo afirmou que espera por um grande festival e destacou a união para a realização do evento. “Vamos ter esse ano um festival folclórico diferenciado. Vai ser um grande festival, bonito, fruto de muita criatividade até no arranjo financeiro. Esse momento nos uniu a todos. Fomos atrás de recursos em tudo quanto é canto. Finalmente conseguimos o suficiente para fazer uma grande edição do boi”, disse.

O Governo do Amazonas disponibilizou este ano um patrocínio da ordem de R$ 9,6 milhões para a realização da festa dos bois Caprichoso e Garantido. O Festival é patrocinado pela Coca-Cola, Brahma, Bradesco, Petrobras, Correios, Eletrobras, Vivo e tem o apoio do Ministério da Cultura.

Toda a estrutura do Governo do Estado já está montada. Na área de segurança, a operação envolve cerca de 1,3 mil servidores das Polícias Civil, Militar, Departamento Estadual de Trânsito e Corpo de Bombeiros.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505