15/06/2015 14h02 - Atualizado em 16/06/2015 04h57

Silves e Autazes decretam Situação de Emergência por conta da cheia

Com isso sobe para 44 o números de cidades do AM afetadas pela cheia dos rios.
Já são 43 cidades do AM em situação de emergência. Na foto, a cidade de Lábrea coberta por água.
Já são 43 cidades do AM em situação de emergência. Na foto, a cidade de Lábrea coberta por água.

As cidades de Silves e Autazes decretaram situação de emergência por conta da cheia dos rios. Os dois municípios tiveram a situação reconhecida nesta segunda-feira (15) pela Defesa Civil do Estado. Com isso, sobre para 44 o número de cidades em emergência no Estado do Amazonas, sendo que Boca do Acre permanece em situação de calamidade pública. Outras quatro cidades: Nova Olinda do Norte, Itapiranga, São Sebastião do Uatumã e Nhamundá estão em situação de alerta.

Até agora, a Defesa Civil estima que 445 mil pessoas em todo o Estado foram afetadas com a enchente. Só em Silves pelo menos 420 famílias foram atingidas pela cheia, que ainda não deu sinais de vazante, segundo informações da assessoria de comunicação do órgão. Em Autazes o contingente é maior, com 1.552 famílias atingidas.

Segundo Secretário Adjunto da Defesa Civil, Hermógenes Rabelo, as duas cidades já entraram no cronograma de atendimento humanitário do órgão, assim como outros 42 municípios que estão em situação semelhante. “Assim como as demais cidades em Emergência, Silves e Autazes, também terão o suporte do Governo do Estado”, disse.

A Defesa Civil AM, já distribuiu 556 toneladas de alimentos não perecíveis para as cidades afetadas pela cheia. Outros itens como colchões, redes, cobertores, mosquiteiros, produtos de higiene pessoal, medicamentos, hipoclorito de sódio, água potável, filtros de água e mais de 850 kits de madeira para a construção de pontes e marombas, também foram disponibilizados a população atingida. Em recursos financeiros do Estado, repassados diretamente a 12 prefeituras, o montante foi de R$ 3,4 milhões, segundo a assessoria da Defesa Civil.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505