09/07/2015 12h31 - Atualizado em 12/07/2015 14h02

Após ser hostilizado em São Paulo, Guido Mantega processará homem que o xingou

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

De acordo com informações da coluna da Mônica Bergamo do jornal Folha de S. Paulo, o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega irá processar o homem que o hostilizou no final do mês passado no restaurante Trio, em São Paulo (SP).

Até o momento, EXAME.com não conseguiu contato com o advogado o ex-ministro, José Roberto Batochio, para confirmar a informação.

Em vídeo postado no YouTube, o homem – identificado como executivo de uma empresa do setor imobiliário – ataca o ex-ministro com xingamentos e acusações. Essa foi a terceira vez em três meses que isso aconteceu com o economista que comandou a pasta durante os governos Lula e Dilma.

Mantega não é o único ex-mebro do governo federal a sofrer ataques em público nos últimos dias.

Em maio, Alexandre Padilha, ex-ministro da Saúde e atual secretário de Relações Governamentais da cidade de São Paulo, foi alvo de uma homenagem irônica em um restaurante de luxo no Itaim Bibi, em São Paulo.

Em vídeo, um homem aparece pedindo a atenção dos clientes, próximo da mesa onde Padilha estava sentado com outras cinco pessoas.

“Por favor, pessoal, um minuto de atenção”, disse o homem, batendo com o talher em uma taça. “Queria saudar aqui hoje e dizer que temos a ilustre presença do ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha, que nos brindou com o programa Mais Médicos, da presidente Dilma Rousseff, responsável por um gasto de R$ 1 bilhão que nós todos, otários aqui, pagamos até hoje”, afirma em seguida.

Ao final do “discurso”, o homem pede uma salva de palmas para o ex-ministro. Padilha, que aparece ao fundo da mesa, rebate: “63 milhões de pessoas são atendidas”.

Fonte: Exame.com

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505