15/07/2015 11h43 - Atualizado em 15/07/2015 11h43

Apple é processada por usar nome iWatch mesmo sem ter um produto com este nome

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Quando a Apple apresentou seu relógio inteligente, o mercado recebeu a novidade com certo estranhamento, afinal, ele não se chamava iWatch, e sim Apple Watch. Como a empresa tem consciência de que alguns consumidores podem fazer confusão na hora de procurar informações sobre o produto, ela comprou publicidade no Google, então sempre que alguém busca por “iWatch” o buscador redireciona para “Apple Watch”.

Isso incomodou um estúdio irlandês de desenvolvimento de software chamado Probendi, que detém os direitos sobre a marca iWatch na Europa e está processando a Apple. Eles levaram o caso à Justiça em 26 de junho.

Giacomo Bonelli, advogado do estúdio, disse à Bloomberg que a Apple foi alertada para não se apropriar do nome iWatch, mas ignorou os comunicados da Probendi. Já o Google se isentou, argumentando não ser responsável pelos links.

Daniele Di Salvo, cofundador da empresa, afirmou à Bloomberg no ano passado que a Probendi lançaria um relógio inteligente com o nome iWatch. Ele seria mais barato que o Apple Watch e viria com Android Wear, mas o executivo agora diz que o projeto está suspenso.

Fonte: Olhar Digital

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505