06/07/2015 11h31 - Atualizado em 6/07/2015 11h31

Quadrilha que assaltou joalheria em Manacapuru é presa

Com os criminosos foram apreendidas armas e jóias.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A quadrilha, que roubou uma joalheria em Manacapuru, foi presa neste domingo (5). Durante a operação policial, cinco criminosos foram presos e duas adolescentes de 16 anos apreendidas.

Aldelir Gomes de França, 26 e Rubenei Magalhães Aiala, 19, foram presos na madrugada de sábado quando tentavam retornar para Manaus com os produtos do roubo. Eles estavam em carro modelo Gol quando foram abordados pela Polícia Militar de Iranduba (PM), na rodovia Manoel Urbano (AM-070). Raylon da Silva Timóteo, 18; Wilson de Jesus Oliveira, 22; Jorge Florêncio Viana Junior, 23, além das duas adolescentes foram encontrados pela polícia escondidos no Ramal do 25, no quilômetro 25 da estrada de Novo Airão.

De acordo com o delegado adjunto de Manacapuru, Fabiano Rosas, após o roubo a PM de Iranduba montou barreira na estrada a fim de interceptar o grupo e na madrugada deste sábado conseguiu abordar o carro onde estavam Aldelir e Rubenei. Após vistoriar o veículo, os policiais encontraram um envelope contendo joias e semijoias. Eles receberam voz de prisão e foram conduzidos à delegacia.

A partir da prisão dos dois primeiros envolvidos, a equipe de investigação da delegacia de Manacapuru pôde dar continuidade ao trabalho para chegar ao local onde os demais integrantes estavam escondidos. “Organizamos uma operação conjunta entre Polícia Civil e a Polícia Militar e obtivemos êxito na prisão dos demais”, disse.

Com eles foram encontradas três pistolas 9 milímetro com 19 munições, uma submetralhadora Uzi de fabricação israelense; sete trouxinhas de maconha; sete camisas falsas da Polícia Federal; sete balaclavas (touca para esconder o rosto); três coletes balísticos; uma bomba submersa; uma bomba sapo; um motor rabeta; sete celulares; duas bolsas femininas; duas motocicletas; além de diversos relógios; brincos; pulseiras; cordões e anéis que foram roubadas da joalheria.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505