14/08/2015 16h34 - Atualizado em 14/08/2015 16h36

Homem investigado por homicídio é preso em flagrante com drogas

O criminoso estava sendo procurado por outros crimes e foi preso na zona Leste
Foto: Divulgação PC
Foto: Divulgação PC

O delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Ivo Martins, juntamente com a delegada titular do 28º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Tatiana Feijó, apresentou durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira, dia 14, na sede da especializada, Anderson Cordeiro da Silva, 20, conhecido como “Dandinho”, apontado como autor do homicídio de um adolescente de 17 anos, ocorrido em julho deste ano.

De acordo com o delegado Ivo Martins, Anderson também estava sendo procurado por envolvimento em outros crimes na capital. O jovem foi preso em flagrante por tráfico de drogas, durante uma ação policial deflagrada na última quarta-feira, dia 12, por volta das 5h30, pela equipe de investigação do 28º DIP, sob a coordenação da delegada Tatiana Feijó. Policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) deram apoio às diligências.

O fato ocorreu na Avenida Governador Danilo Areosa, bairro Colônia Antônio Aleixo, zona Leste da capital, no momento em que Anderson comercializava entorpecentes no lugar. Com o infrator foram apreendidas 41 trouxinhas de cocaína. Na ocasião, ele informou aos policiais que tinha mais drogas guardadas em uma casa naquela mesma área da cidade.

No local indicado os policiais civis encontraram duas porções maiores da mesma substância ilícita, além de duas balanças de precisão e um celular. Conforme o delegado Ivo Martins, “Dandinho” estava sendo procurado pelas equipes da DEHS, em virtude do homicídio do adolescente Orleilson de Souza Pinheiro, que era conhecido como “Pelé”.

“Após termos conhecimento de que ele havia sido preso em flagrante durante a ação realizada pelo 28º DIP, demos início ao inquérito policial em nome dele pelo crime de homicídio qualificado. O infrator foi trazido à sede da DEHS, onde prestou esclarecimentos sobre o caso”, explicou Ivo Martins.

O delegado disse, ainda, que o crime aconteceu no dia 28 de julho deste ano, dentro do Cemitério Santo Alberto, localizado no bairro Colônia Antônio Aleixo. A vítima estaria consumindo drogas na companhia de dois amigos quando foi morta. “Anderson chegou ao local em uma motocicleta e efetuou dois disparos de arma de fogo em “Pelé,” atingindo as costas do adolescente, que foi a óbito no lugar”, declarou Martins.

Anderson alegou, em depoimento, que cometeu o delito porque o adolescente teria ameaçado matar a mãe do infrator, após uma briga por conta de dívidas relacionadas ao tráfico de drogas. “Orleilson já tinha roubado a minha mãe lá no bairro e ameaçou matar a minha família. Fiquei sabendo que ele estava no cemitério e fui lá para matá-lo antes que fizesse algo contra meus parentes”, argumentou.

Tatiana Feijó afirmou que o jovem é conhecido no bairro Colônia Antônio Aleixo por comercializar drogas. O jovem também estava sendo investigado pela equipe do 28º DIP por uma tentativa de homicídio ocorrida em abril deste ano. “Ele já responde por tráfico de drogas e foi autuado em flagrante novamente pelo mesmo delito. Já representei também um mandado de prisão preventiva em nome dele por tentativa de homicídio, já que as investigações o apontam como o autor do crime”, relatou.

Anderson foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e indiciado por homicídio qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis, ele será conduzido à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus, zona Sul, onde ficará à disposição da Justiça.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505