08/08/2015 09h30 - Atualizado em 7/08/2015 23h20

Homem que matou 12 pessoas em cinema nos EUA é condenado a prisão perpétua

O massacre ocorreu há três anos na cidade de Aurora
Foto:
Foto:

O júri do julgamento de James Holmes, considerado culpado de matar 12 pessoas em um cinema na cidade de Aurora (Colorado, EUA), condenou nesta sexta-feira a prisão perpétua o autor do tiroteio que abalou os Estados Unidos há três anos.

Holmes, cujo ato causou também deixou 70 feridos, não recebeu a pena de morte porque os 12 membros do júri não chegaram a um veredicto unânime, o requisito necessário para esta condenação.

O júri tinha negado anteriormente a internação de Holmes em um centro de atenção psiquiátrica. Por isso, as possibilidades de punição tinham sido reduzidas para a pena capital ou a prisão perpétua.

De pé e com as mãos nos bolsos, Holmes presenciou a leitura de sua sentença, sem possibilidade de revisão para a liberdade condicional, feita pelo juiz Carlos Samour, no tribunal do condado de Arapahoe, em Centennial, no Colorado.

Há três anos, Holmes invadiu um cinema de Aurora, também no Colorado, que exibia o filme “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge”. Lançou gás lacrimogêneo contra o público e começou a atirar na sequência, matando 12 pessoas e ferindo outras 70.

Holmes, que tinha na época 24 anos, foi preso nos arredores do local pela polícia e se identificou como “Coringa”, um dos principais inimigos de Batman.

No último dia 16 de julho, Holmes foi declarado culpado após 11 semanas de julgamento. Mais de 250 testemunhas foram ouvidas. Além disso, os jurados viram mais de 1.500 fotografias e 24 horas de vídeos.

Fonte: Exame.com

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505