10/08/2015 15h47 - Atualizado em 10/08/2015 15h47

Homem que matou “Bola” no dia 2 de maio é preso em Manaus

Segundo a PC, o criminoso alegou que agiu motivado por vingança
Foto: Divulgação PC
Foto: Divulgação PC

Leonan da Silva Farias, 18, foi preso no início da tarde do último sábado, dia 8, por policiais civis lotados na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), em cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pelo juiz Anésio Rocha Pinheiro, do 2º Tribunal Júri. O jovem é apontado como autor do homicídio de Roberto Campos Silva, que era conhecido como “Bola” e tinha 19 anos quando o crime aconteceu, no dia 2 de maio deste ano.

A ação, coordenada pelos delegados da DEHS Ivo Martins e Daniel Leão, respectivamente titular e adjunto da unidade policial, foi desencadeada por volta de meio-dia, quando Leonan foi encontrado em uma estância, situada no Beco Monsenhor Pinto, no bairro da Paz, zona Centro-Oeste da cidade.

De acordo com Ivo Martins, o delito ocorreu na madrugada do dia 2 de maio, na Rua Amor Agarradinho, antiga Rua Quatro, no mesmo bairro onde Leonan foi preso. Durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta segunda-feira, dia 10, na sede DEHS, a autoridade policial disse que o infrator alegou que agiu motivado por vingança.

“Leonan soube que a vítima estava naquela área da cidade e pegou uma arma de fabricação caseira. Em seguida efetuou um disparo que acertou o peito de Roberto, que ainda conseguiu pular um muro, mas morreu no terreno de uma autarquia municipal. O infrator argumentou que a vítima, em outra ocasião, teria desferido vários golpes nele, utilizando um gargalo de garrafa. Por conta disso Leonan resolveu matar Roberto”, declarou Martins.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505