19/08/2015 18h24 - Atualizado em 19/08/2015 18h24

Órgãos de Segurança reforçam estratégias para coibir crimes em agências bancárias

A reunião foi coordenada pelo secretário executivo adjunto de Operações da SSP Pedro Florêncio
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Órgãos do Sistema de Segurança Pública se reuniram na tarde desta quarta-feira (19), com representantes de agências bancárias para discutir sobre a segurança de clientes e funcionários, e o reforço de policiamento nas imediações dos estabelecimentos.

A reunião foi coordenada pelo secretário executivo adjunto de Operações da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, Pedro Florêncio, e contou com a presença das Polícias Civil e Militar, Polícia Federal, Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai), Banco do Brasil, Bradesco, Banco da Amazônia, Santander e Caixa Econômica Federal.

Pedro Florêncio destacou a integração do sistema de câmeras dos estabelecimentos bancários que será feita como forma de prevenir e reprimir assaltos a bancos e a clientes que saem dos estabelecimentos. “Os crimes contra as agências bancárias impactam diretamente na sociedade, que se sente mais insegura, por isso estamos adotando essas novas estratégias”,disse.

Ele afirma que a comunicação entre a Polícia Militar e as agências bancárias deve ser reforçadas para que as ações criminosas possam ser evitadas. “A intenção é que os gerentes dos bancos tenham contato direto com as Cicoms, supervisores da área e delegacias”.

O subcomandante geral da Polícia Militar, Antônio César Escóssio, explica que a população deve ter cuidado em movimentar grandes quantias de dinheiro no banco. Ele ressaltou que a PM já reforça o policiamento onde há grande número de agências. “A prevenção desses crimes vai desde a identificação de pessoas suspeitas no banco, que geralmente, estão há muito tempo dentro do estabelecimento e não realizam nenhuma operação financeira. Nesses casos o funcionário do banco podem acionar de imediato a PM, que a viatura mais próxima do local vai se deslocar para realizar uma verificação”.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505