31/08/2015 15h01 - Atualizado em 31/08/2015 15h01

Projeto de Lei de vereador propõe alimentação diferenciada para alunos com alergia alimentar

A proposta foi deliberada nesta segunda-feira, 31, na CMM.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Pesquisas indicam que 70% dos brasileiros apresentam algum tipo de alergia alimentar. Como forma de garantir assistência adequada a alunos da rede pública municipal de ensino que sofrem com esse tipo de problema, o vereador professor Bibiano (PT) apresentou Projeto de Lei (nº 268/2015), que visa a disponibilizar alimentação diferenciada na merenda escolar para esses estudantes.

O PL foi deliberado no plenário da Câmara Municipal de Manaus (CMM) nesta segunda-feira (31) e encaminhado à Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ). A proposta visa a garantir assistência a alunos que sofrem de diferentes tipos de alergias alimentares, incluindo Alergia à Proteína do Leite de Vaca (APLV), intolerância à lactose, além de alergia ao ovo e a alimentos elaborados com glúten, entre outros.

De acordo com o parlamentar, os casos de alergia alimentares tiveram um salto nos últimos anos e o Poder Público precisa estar atento a essa questão, portanto, nada melhor do que começar dentro da escola em respeito aos pequenos cidadãos. “O acesso à alimentação saudável e adequada é uma das formas de exercício da cidadania, portanto, esse Projeto de Lei vai ao encontro desse princípio”, diz o vereador.

Bibiano chama a atenção para as consequências de uma das alergias que acomete crianças em idade escolar: a APLV. Esse tipo de problema ocorre pela presença de proteínas do leite encontradas no sistema imunológico como agente agressor, sendo responsável pelo desencadeamento de vários sintomas, entre os quais, diarreia, cólicas, distensão abdominal, lesões na pela, dificuldade de respirar e inclusive, sangramento intestinal.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505