18/08/2015 12h28 - Atualizado em 18/08/2015 12h28

Psicopatas podem ser imunes a bocejos, afirma estudo

Foto: Thinkstock
Foto: Thinkstock

Você quer saber se o seu amigo é um psicopata? Boceje na frente dele e veja se ele reage. Um estudo da Universidade Baylor, no Texas, revelou que psicopatas não sentem a necessidade de bocejar quando veem outra pessoa bocejando.

Os pesquisadores analisaram um grupo de 133 estudantes, que respondeu a um relatório sobre personalidade psicopática. Todos eles possuíam características relacionadas ao comportamento de psicopatas já estudados pela ciência. Eles eram narcisistas, frios, egocêntricos e inconformistas rebeldes.

Para realizar a pesquisa, eles mostraram vídeos de pessoas com diversas expressões faciais – algumas estavam bocejando – para os participantes. Foi durante estas seções que os pesquisadores descobriram que os estudantes que apresentaram sinais de psicopatia eram menos propensos a responder aos bocejos.

Apesar de interessante, o estudo não é conclusivo. “Se você não reage a um bocejo, não significa que há algo errado com você”, disse Brian Rundle, um dos autores do estudo. A pesquisa foi publicada no periódico “Personaliy and Individual Differences”.

Contagioso
A maioria das pessoas não consegue segurar o bocejo quando alguém está mostrando sintomas de cansaço. Contudo, no caso dos psicopatas, este desejo não existe. Por quê? Porque eles simplesmente não reagem aos sentimentos humanos.

“Uma das maiores evidências da pesquisa é que o bocejo está muito relacionado à empatia”, disse Rundle ao site The Times.

De acordo com o autor do estudo, muitos mamíferos bocejam. Para ele, tal traço pode ter se originado na época das cavernas. “Evidências revelam que os babuínos, cachorros e chimpanzés machos tendem a bocejar primeiro para liderar o grupo”, disse o pesquisador.

Fonte: Exame.com

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505