25/08/2015 18h42 - Atualizado em 25/08/2015 18h47

TCE julga nesta quarta (26) pedido de auditoria no Manausprev

Denúncia quer auditoria nas aplicações de 2009 a 2012 do Fundo.
Foto: Dircom/TCE
Foto: Dircom/TCE

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) analisa nesta quarta-feira (26), às 10h, representação com pedido de auditoria nas contas e aplicações do Fundo de Previdência do Município de Manaus (Manausprev) realizadas no período de 2009 a 2012. Outros 27 processos estão na pauta do Tribunal, maioria recursos de gestores contra condenações anteriores emitidas pelo TCE.

A representação pede a apuração de responsabilidades pelo prejuízo estimado, inicialmente, em R$ 33 milhões do Fundo Único de Previdência, segundo dados apresentados em audiência pública realizada na Câmara Municipal de Manaus (CMM), em setembro 2013. A denuncia, protocolada pelos deputado José Ricardo e pelo vereador Professor Bibiano, ambos do PT, diz que os recursos foram aplicados em fundos de investimentos, que não geraram lucro.

Serão julgadas ainda três prestações de contas: do atual diretor-executivo do Serviço de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos dos Municípios de Manaus (ManausMed), Roberto Valiante de Souza, do exercício de 2013; do ex-chefe da Agência de Comunicação Social do Estado (do ano de 2008), Hiel Levy Maia Vasconcelos, e do presidente da Câmara Municipal de Barreirinha (de 2012), Carlos Márcio Tavares Marques.

Na sessão ordinária, a última do conselheiro Raimundo Michiles, serão feitas homenagem ao decano que se aposenta na próxima sexta-feira (28), quando completa 70 anos.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505