04/09/2015 19h31 - Atualizado em 4/09/2015 19h35

Gasto com saúde suplementar chega a R$ 139,3 bilhões em 12 meses

Valor é referente a todo atendimento privado de saúde.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Nos últimos 12 meses (contados até junho deste ano), os gastos com a saúde suplementar chegaram a R$ 139,3 bilhões. Um crescimento de 14,7%, segundo a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde). Os dados consideram as demonstrações contábeis enviadas pelas operadoras de saúde à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

A saúde suplementar pode ser definida como todo atendimento privado de saúde, realizado ou não por meio de um convênio com um plano de saúde.

Despesas com o pagamento de uma importância pelo contratante de plano de saúde a uma operadora, para garantir a prestação continuada dos serviços, alcançaram R$ 138,7 bilhões. Também registrou aumento no patamar de 13,7%.

As despesas assistenciais, pagas pelos procedimentos ambulatoriais e hospitalares, como consultas médicas, exames, terapias e internações dos beneficiários de planos e seguros de saúde totalizaram R$ 114,4 bilhões. Crescimento de 15,3% nos 12 últimos meses.

*Com informações da Agência Brasil

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505