16/09/2015 14h12 - Atualizado em 16/09/2015 14h12

Homens envolvidos em homicídio de taxista são presos em Manaus

O crime ocorreu no dia 3 de agosto deste ano, na avenida Mario Ypiranga Monteiro.
Foto: Divulgação PC
Foto: Divulgação PC

Policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) cumpriram, na manhã desta última terça-feira, dia 15, por volta das 6h, no bairro São Francisco, zona Sul da capital, dois mandados de prisão preventiva em nome de Edcarlos Araújo Oliveira, 20, conhecido como “Batata”, e Frankly dos Santos Alves, 18. Eles são apontados como os autores do homicídio do taxista Vivaldo Lúcio Ferreira de Souza, 56.

A ação foi coordenada pelos delegados Adriano Félix, Péricles do Nascimento e Denis Pinho, respectivamente, titular e adjuntos da especializada. Os mandados foram expedidos no mês de setembro deste ano.

“Logo após o crime, a equipe de Inteligência da DERFD iniciou os trabalhos de investigação, solicitando imagens do Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) e do Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, e conseguiu identificar, por meio de testemunhas que presenciaram a ação, o primeiro infrator que seria o Frankly, e posteriormente, o Edcarlos”, explicou o delegado Adriano Félix.

Conforme os policiais que participaram das diligências do caso, durante as investigações foram recebidas denúncias anônimas, informando a localização da dupla. Edcarlos foi preso na residência dele, situada na Rua General Carneiro, enquanto Frankly foi preso em outro imóvel, localizado na Rua Hamilton Mourão.

Segundo o delegado Adriano Félix, a dupla confessou, em depoimento, a autoria no homicídio do taxista, e ainda admitiu o envolvimento em outros crimes. “Eles confessam a pratica de vários roubos em paradas de ônibus, padarias, supermercados, o que nos permite concluir que eles são contumazes na prática dessa ação”, afirmou Félix.
Circunstâncias do crime

De acordo com o delegado Denis Pinho, o crime ocorreu no dia 3 de agosto deste ano, por volta das 7h, na avenida Mario Ypiranga Monteiro, bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul. O taxista havia deixado um passageiro, quando foi abordado, minutos depois, pelos infratores, no momento em que passava por um trecho engarrafado.

“A dupla aproveitou a lentidão do trânsito e entrou rapidamente no veículo, anunciando o assalto. Frankly sentou-se no banco da frente e Edcarlos se dirigiu ao banco de trás, posicionando uma faca no pescoço de Vivaldo, ordenando que ele prosseguisse e lhe entregasse seus pertences”, explicou o delegado.

Ainda de acordo com Pinho, a vítima reagiu à abordagem e foi atingido por Edcarlos com várias facadas. Ao desferir o último golpe, o infrator deixou o instrumento cravado no peito da vítima. Após a agressão, Edcarlos e Frankly roubaram o aparelho celular e a quantia de R$ 30 da vítima e evadiram-se o local.
“Mesmo com a faca cravejada no corpo, Vivaldo conseguiu dirigir até o Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito no local”, informou o delegado.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505