24/09/2015 10h55 - Atualizado em 24/09/2015 10h55

Manaus sedia 3ª Conferência Estadual de Juventude

A Conferência será realizada nos dias 2 e 3 de outubro.
Foto: SEJEL
Foto: SEJEL

A Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (SEJEL), realiza nos dias 2 e 3 de outubro, a 3ª Conferência Estadual da Juventude. Com o tema ‘As várias formas de mudar o Amazonas’, o encontro acontece na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, situada na Rua Loris Cordovil, bairro Flores, zona Centro-Sul de Manaus a partir das 8h. A entrada será gratuita.

De acordo com o secretário titular da SEJEL, Antônio Eduardo Ditzel, 3ª Conferência Estadual de Juventude é um amplo processo de debate e participação sobre o que a juventude quer para o Brasil, uma vez que as propostas e resoluções debatidas servirão de subsídio para a elaboração do Plano Nacional da Juventude.

“É um espaço para discutir, analisar, reivindicar e propor ações para os poderes públicos, mas também para pactuar instrumentos de monitoramento e ação entre as redes de organizações, com foco no controle social das políticas públicas de juventude”, disse o titular da pasta.

Além de uma conferência totalmente digital, as conferências municipais também aconteceram ao longo deste ano e vão até o mês de dezembro de 2015. De acordo com Raimundo Nogueira Neto, membro da comissão organizadora da Conferência Estadual da Juventude (COE), o encontro servirá de atualização para a juventude combatendo o preconceito.

“O objetivo da conferência é atualizar a agenda da juventude para o desenvolvimento do Amazonas, reconhecendo e potencializando as múltiplas formas de expressão juvenil, além de fortalecer o combate a todas as formas de preconceito. As propostas e resoluções da etapa nacional servirão de subsídio para a elaboração do Plano Nacional de Juventude”, explicou Neto.

Participação
Para participar da conferência, jovens de 15 a 29 anos, podem se inscrever gratuitamente no local e no dia do evento. Nas etapas estaduais, na etapa digital e em uma etapa especial com as juventudes de povos e comunidades tradicionais serão eleitos 2.000 delegados e delegadas à etapa nacional, que acontecerá em Brasília, no mês de dezembro.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505