16/09/2015 09h47 - Atualizado em 5/05/2016 03h41

Taxistas pedem apoio da CMM para reduzir taxa sobre serviço de vaucher das associações

Hoje a taxa cobrada, além de outras obrigações junto às associações, é de 17%.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A redução da taxa de serviço de vaucher praticada pelas empresas de rádio-táxi de Manaus foi a principal reivindicação apresentada, na manhã desta terça-feira (15), ao presidente da Comissão de Defesa do Consumidor (Comdec) da Câmara Municipal de Manaus, vereador Álvaro Campelo, ao receber um grupo de taxistas coordenado pelo presidente do Sindicato dos Condutores Autônomos e Taxistas de Manaus, Luiz Augusto Aguiar.

Hoje, a taxa cobrada dos taxistas, além de outras obrigações variáveis assumidas junto às associações é de 17% sobre os valores de cada boleto, taxa que os reclamantes entendem como muito alta e fora da realidade e legalidade, considerando que a taxação de juros sobre empréstimos bancários ou cartões de crédito não excedem a 11% para aqueles profissionais.

O dirigente sindical Luiz Augusto Aguiar espera que a intermediação do vereador Álvaro Campelo possa vir a sensibilizar os dirigentes das associações e empresas de rádio-táxi para promover uma considerável redução no percentual cobrado hoje.

Após ouvir as reclamações e fazer alguns questionamentos aos representantes dos taxistas, o presidente da Comdec agendou outra reunião para o próximo dia 2 de outubro, às 9h, para tratar do assunto com todas as partes diretamente interessadas e autoridades convidadas. Durante o encontro outros assuntos de interesse da classe deverão ser tratados e o resultado deverá constar na redação de um Termo de Ajustamento de Conduta – TAC.

Álvaro Campelo considera que a realidade econômica exige que sejam adotadas ações de adaptação capazes de superar a crise que atinge a todos, como neste caso em particular. Com certeza vamos defender o consenso para tranquilizar as centenas de famílias que dependem do rendimento do trabalho dos taxistas do município de Manaus, garantiu o vereador.

Serão convidados para a reunião na Comdec/CMM, a SMTU, o Sindicato dos Taxistas, Secretaria Municipal de Finanças, Ouvidoria do Município, Procuradoria Geral do Município, Associações de Taxistas e Empresas de Rádio-Táxi.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505