30/10/2015 10h24 - Atualizado em 30/10/2015 10h24

Agência diz que é dificil achar ator negro ‘bonito’ e gera polêmica na web

Empresa diz que informação foi mal interpretada.
Foto: Divulgação/Redes Sociais
Foto: Divulgação/Redes Sociais

O vazamento de informações de um e-mail de recrutamento para série “3%” que está sendo produzida para a Netflix, e vai ao ar em 2016, gerou polêmica na internet nesta quinta-feira (29) após relatar o grau de dificuldade para encontrar um homem negro muito bonito para participar da série.

“A direção gostaria que ele fosse negro, mas conscientes do grau de dificuldade, faremos teste também com os bons atores, lindos, que não sejam negros”, diz o texto do e-mail, que circula pela web.

Em sua página no facebook, a empresa responsável pelo recrutamento +Add Casting informou que as informações foram mal interpretadas e que o grau de dificuldade foi citado em referência ao número de negros inscritos. Segundo a empresa apenas 0,4% dos inscritos se declaram negros.

A Netflix se manifestou ainda nesta quinta-feira, repudiando a mensagem: “O email sobre o teste de elenco de ‘3%’ foi enviado sem o conhecimento ou aprovação da Netflix, e contradiz tudo em que acreditamos. Junto à Boutique Filmes, estamos trabalhando para tomar as devidas providências, e lamentamos o que aconteceu.”

A Boutique Filmes também se manifestou: “Como produtora responsável pela série ‘3%’, estamos chocados com o e-mail enviado pela empresa terceirizada produtora de casting. A linguagem usada no e-mail é inaceitável e nunca foi aprovada por nós. O texto não representa nossa visão como empresa. Também não representa o espírito da série ou a orientação de casting, que busca retratar a diversidade da população brasileira.”

E-mail

*Com informações do Folha de São Paulo.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505