22/10/2015 13h32 - Atualizado em 22/10/2015 13h34

Implurb ultrapassa número de demolições realizadas em 2014

Até o dia 20 de outubro já foram realizadas 97 demolições.
Foto: Assessoria/Implurb
Foto: Assessoria/Implurb

Faltando pouco mais de dois meses para o fim deste ano, o Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) já ultrapassou o número total de demolições realizadas em todo o ano de 2014, que foram 92. Até o dia 20 de outubro, o setor da Divisão de Controle (Dicon) do órgão contabilizava 97 demolições executadas para a promoção de um melhor ordenamento da cidade, desobstruindo logradouros e calçadas públicas, corrigindo obras irregulares e atividades sem licença em espaço público, dando maior conforto à população afetada com as obstruções.

O Implurb também contabiliza aumento no registro de embargos e interdições comparando os anos de 2014 e 2015 (até outubro): ano passado foram 563 embargos aplicados, contra 576 deste ano, registrando um aumento de 2,3%; enquanto as interdições tiveram alta de 6,9% (72 em 2014, contra 77 este ano). As ações continuam nos próximos dois meses.
Para o diretor-presidente do Implurb, Roberto Moita, os números revelam as ações de rotina do órgão para o ordenamento da cidade, corrigindo desvios urbanísticos e melhorando a qualidade de vida de quem é diretamente atingido por obstruções no espaço público. “Quem mais sente é a população que se desloca dentro dos bairros, conjuntos, comunidades, para ir a um comércio, uma padaria, ao ponto de ônibus, para levar o filho na escola, nos trechos que se faz a pé”, explica Moita.

Entre as recentes demolições promovidas em ação integrada pelo Implurb, calçadas e logradouros públicos estiveram no foco. Nesta semana foram realizadas demolições em dois pontos distintos da Cidade Nova, zona Norte. Primeiro, foi a retirada uma lixeira localizada na rua Tambaú, que além da condição de insalubridade, obstruía o passeio. A denúncia chegou ao Implurb pelas redes sociais. A segunda demolição ocorreu na avenida Noel Nutels, na altura do shopping Park Sumaúma, onde um cidadão simplesmente construiu uma borracharia na calçada, juntando pneus velhos, ferramentas e barraca de lona, impedindo a livre circulação dos pedestres em área pública. Além do auto de demolição, o proprietário foi multado. Todas essas ações são de rotina do órgão, para a busca da ordem e do controle urbano da cidade.

Disk Ordem
O Disk Ordem é o canal de comunicação para o cidadão ajudar a cuidar da cidade e fazer suas reclamações e denúncias quanto a irregularidades, facilitando assim, o trabalho do instituto. A central conta com serviço de atendentes, que se revezam nos horários de manhã e tarde, funcionando de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h. O Disk-Ordem também possui um canal pela Internet, onde o cidadão pode enviar sua reclamação para o e-mail [email protected]

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505