19/10/2015 16h59 - Atualizado em 19/10/2015 17h05

Operação ‘Saque-Seguro’ reforça policiamento em agências bancárias

Objetivo é coibir o golpe conhecido como ‘saidinha de banco’
Divulgação/ Redes Sociais
Divulgação/ Redes Sociais

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), com apoio das Polícias Civil e Militar, realizou, nesta segunda-feira (19), mais uma edição da operação “Saque-Seguro”, reforçando o policiamento nas áreas de agências bancárias e loterias nas zonas sul e norte da capital. Durante a ação, os policiais orientaram clientes e os gerentes das instituições quanto às práticas mais seguras em movimentações financeiras.

Segundo dados da SSP-AM, de janeiro até setembro, foram registrados 204 casos desse tipo de crime, quando a pessoa é roubada após sacar dinheiro em uma agência bancária. A maior parte dos crimes ocorreu a tarde, com uma dupla de assaltantes utilizando motocicleta.

“Sabemos que os elementos que praticam o crime contam com um ‘olheiro’ que fica dentro do banco acompanhando as ações das vítimas. Eles passam as informações para os outros que ficam do lado de fora, geralmente uma dupla numa moto e um carro que dá apoio. A abordagem à vítima pode ser feita nas proximidades da agência ou até mesmo no destino da vítima”, destacou o secretário executivo adjunto de Operações da SSP-AM, Orlando Amaral.

Ele ressaltou que, por conta da greve bancária, será dada atenção especial às lotéricas devido o aumento de fluxo de pessoas nesses locais. “Também vamos aumentar o contato com os gerentes dos bancos com o intuito de estreitar a comunicação e agilizar as ações policiais”, disse Orlando.

O secretário executivo destacou ainda a importância de condutas mais seguras em movimentações bancárias. “Pedimos às pessoas que estacionem o carro mais próximo possível das agências e principalmente, evitem sacar quantias elevadas. Procurem fazer movimentação bancária por cartão, cheques, por transferências”, ressaltou.

Equipes da Polícia Civil formadas por policiais dos Departamentos de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) da Polícia Civil, e policiais militares do Comando de Policiamento Especializado (CPE) da Polícia Militar, além dos Distritos Integrados de Polícia (DIPs) das áreas vão reforçar às ações da operação a partir desta semana.

A operação “Saque-Seguro” iniciou na última quinta-feira (15), tem o objetivo de coibir a prática conhecida popularmente como “saidinha de banco”. Cerca de 50 policiais, entre civis e militares, vão atuar na operação que ocorrerá de segunda a sexta-feira, até o mês de dezembro, época de grande movimentação nas agências bancárias por conta do décimo terceiro salário dos trabalhadores. Durante a operação, as equipes policiais abordam veículos, pessoas e motocicletas em situação suspeita que circulam nas proximidades das agências.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505