19/10/2015 16h23 - Atualizado em 19/10/2015 16h23

Ponta Negra terá novos quiosques para festa de aniversário da cidade

O prefeito Arthur anunciou também melhorias no mobiliário.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Complexo Turístico Ponta Negra, localizado na zona Oeste da capital, este ano será o palco para a festa de comemoração do aniversário de 346 anos de Manaus. Nesta segunda-feira, 19, o prefeito Arthur Virgílio Neto acompanhou a instalação dos novos mobiliários urbanos no espaço, que até o dia 24 de outubro também contará com cinco novos quiosques em funcionamento.

“São melhorias necessárias e que vêm para dar ainda mais conforto aos frequentadores da Ponta Negra. E o melhor é que tudo está sendo feito por meio de medida compensatória, sem custo para os cofres da prefeitura”, destacou o prefeito. “Teremos muita coisa boa, mas já aviso que a segunda etapa da praia não será liberada até que façamos todos os testes necessários para garantir a segurança dos banhistas”, completou.

Serão 154 novos bancos, substituindo os antigos, com mais espaço e conforto. Cem lixeiras do complexo também serão substituídas, ampliando a quantidade e a durabilidade das mesmas. Devido à grande frequência de ciclistas, 12 conjuntos de paraciclos serão instalados ao longo do calçadão, tendo estrutura em tubos de aço, fixados com chumbamento em bloco de concreto, podendo atender, no total, 126 bicicletas.

“Vale destacar que todos os bancos retirados serão reutilizados em outros logradouros da cidade. Alguns vão para as galerias populares atendendo a uma demanda da população e outros vão para praças fora da região central”, explicou Roberto Moita, diretor-presidente do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), responsável pela administração da Ponta Negra.

Outra mudança prevista para o complexo turístico é a repaginação das espécies arbóreas definhadas e a complementação da arborização do espaço para melhorar o sombreamento natural do espaço.

As novidades não param por aí. Ainda na programação de aniversário da cidade cinco, dos seis, quiosques da segunda etapa da Ponta Negra entrarão em funcionamento. “Apenas um dos novos permissionários pediu um tempo maior para que pudesse estruturar seu espaço, mas todos os demais já estão fazendo adequações para receber o público”, disse Moita.

Os pontos são padronizados, em contêineres adaptados para o comércio, contando com áreas externas para a distribuição de mesas e cadeiras dispostas em deques de pedra portuguesa. O modelo de construção prevê maior durabilidade e melhor manutenção, melhorando a relação custo-benefício para os futuros empresários.

Moisés Vital é um dos permissionários que passa a atuar na Ponta Negra a partir desta semana. Ele conta que está com quase tudo pronto para receber os novos clientes e que aposta no visual do espaço para aquecer as vendas. “Estamos esperando muito, porque se trata de um cartão-postal da cidade, sendo muito bem frequentado inclusive por turistas. Aproveito para convidar toda a população para nossa inauguração no próximo dia 22 e a grande festa de 346 anos de Manaus, no dia 24 de outubro”, destacou.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505