06/11/2015 12h18 - Atualizado em 6/11/2015 12h18

Jaavas fecha atividades de 2015 com evento de dança

Inscrições podem ser feitas no site da Semed.
Foto: Cleomir Santos
Foto: Cleomir Santos

Os Jogos Adaptados André Vidal de Araújo fará o encerramento de suas atividades deste ano no próximo dia 27, com a ‘III Mostra de Dança e Arte da Educação Especial’, que será realizada no Centro Social Urbano (CSU) do Parque 10. As inscrições para o evento podem ser feitas, por meio do site da Semed (http://semed.manaus.am.gov.br) até o dia 16 de novembro.

A expectativa é que 30 grupos de dança participem da atividade. Podem se inscrever equipes que tenham pelo menos um integrante com algum tipo de deficiência. Na manhã desta sexta-feira, 6, os professores de Educação Especial da Semed se reuniram para ajustar os últimos detalhes da Mostra.

“Essa Mostra de Dança fecha as atividades do Jaavas em 2015. É um momento de inclusão, onde os alunos se sentem capazes e envolvidos em ações juntamente com os demais colegas. O evento confirma, também, a preocupação das escolas com o desenvolvimento desses alunos, principalmente no desenvolvimento motor. Será uma grande festa”, afirmou Shirley Amaral, coordenadora do Jaavas.

Na Escola Municipal Tereza Rosa Abtibol, no bairro de São Francisco, a expectativa já é grande para o evento. Segundo a professora Elnize Castro, que leciona para a sala de educação especial, o grupo de dança, formado por alunos especiais e de classes comuns, já está ensaiando há dois meses.

“Já estamos ensaiando, nós já temos toda uma dinâmica, os pais participam dos ensaios. Isso já acontece desde o ano passado. Tem crianças da sala regular que estão participando junto com eles, porque queremos fazer a inclusão. Eles estão bem interessados, felizes mesmo”, disse.

Para a gerente de Educação Especial da Semed, Reni Formiga, a dança é uma das formas de expressão que mais os alunos com deficiência gostam.

“Eles gostam muito de dançar. É um momento prazeroso e eleva a autoestima, sendo bom para eles e para a família. Eles têm prazer em participar. Eles se empolgar tanto que dão o melhor de si”, afirmou.

Produção de texto
Além da III Mostra de Dança e Arte, a Educação Especial da Semed terá outro grande evento em novembro. No dia 18, no Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia (Inpa), cerca de 40 alunos participarão do concurso de produção de texto. Os estudantes farão uma trilha pelo local e depois do passeio, escreverão uma redação baseado no que viram durante a caminhada. Uma banca irá avaliar os textos e os três primeiros colocados receberão prêmios e medalhas.

“Esse evento agrega muita coisa. O concurso de produção de texto eleva a autoestima deles, mostra para eles que eles são capazes. Os alunos produzem um texto, depois eles leem para uma bancada, para o público e são aplaudidos. Isso eleva a autoestima dos nossos alunos e dá credibilidade para ele de que está pronto para a inclusão. Isso é só ganho”, explicou Reni Formiga.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505