10/11/2015 12h26 - Atualizado em 11/11/2015 11h11

Prefeito de Iranduba se entrega na sede do Ministério Público em Manaus

Ele é acusado de comandar corrupção que desviou mais de R$ 56 milhões no município.
Foto: A Crítica
Foto: A Crítica

O prefeito de Iranduba (distante 19,89 quilômetros capital), Xinaik Silva de Medeiros, que estava considerado como foragido, se entregou por volta das 10h desta terça-feira (10), no Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM). De acordo com o MP-AM, o prefeito fez exame de corpo de delito, foi ouvido e a partir das 13h, deverá ser encaminhado para o Comando de Policiamento Especializado (CPE).

Xinaik teve mandado de prisão decretada durante a “Operação Cauxi” do MP-AM que prendeu suspeitos de desviar mais de R$ 56 milhões verbas públicas do município.

Várias prisões foram decretadas no município e todos os envolvidos serão investigados pelos crimes de peculato, corrupção passiva, concussão, falsidade ideológica, fraudes em licitações, lavagem de dinheiro e crime de responsabilidade.

Fonte: Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505