17/12/2015 09h37 - Atualizado em 17/12/2015 09h37

Desemprego cai em relação a outubro e fica em 7,5% em novembro, diz IBGE

A taxa de desocupação foi menor se comparada com a do mês anterior, que atingiu 7,9%.
Foto: Reinaldo Canato/VEJA
Foto: Reinaldo Canato/VEJA

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 7,5% em novembro, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira. Com isso, a taxa de desocupação foi menor se comparada com a do mês anterior, quando atingiu 7,9%.

Com esse desempenho, a taxa de desemprego ficou menor que a prevista por analistas. A mediana das previsões em pesquisa da Reuters era de que o desemprego chegaria a 8% em novembro.

Há, hoje, 1,8 milhão de pessoas sem ocupação nas seis maiores regiões metropolitanas do país, nas quais é realizada a pesquisa mensal do IBGE. Há um ano, o número de desempregados era de 642.000, o equivalente a uma taxa de desemprego de 4,8%.

A região metropolitana de Salvador, com taxa de 12,3%, foi a que registrou o maior nível de desemprego em novembro. Na sequência aparecem Recife (10,8%), São Paulo (7,4%), Porto Alegre (6,7%), Belo Horizonte (6,1%), Rio de Janeiro (5,9%).

O desemprego recuou entre outubro e novembro, mas também houve queda na renda média. O rendimento médio dos trabalhadores foi estimado em 2.177,20 reais, montante 1,3% menor que o de outubro (2.205,43 reais) e 8,8% mais baixo que o de novembro de 2014 (2.388,29 reais).

Fonte: Veja.com

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505