17/12/2015 15h21 - Atualizado em 17/12/2015 15h21

Em Urucará, Melo lança Plano Safra com investimentos de R$ 26 milhões

Mais de oito mil famílias de produtores rurais de Urucará serão beneficiadas.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mais de oito mil famílias de produtores rurais de Urucará serão beneficiadas com a chegada do Plano Safra, do Governo do Amazonas. Com investimentos de R$ 26 milhões no setor primário da cidade, o programa foi lançado pelo governador José Melo nesta quinta-feira, 17 de dezembro, junto com o início das operações do Banco do Povo, a entrega de tablets para 101 professores da rede municipal de educação e a distribuição de implementos agrícolas para mecanização em parceria com a prefeitura.

A produção de farinha, a pecuária de corte e leite e o incentivo às agroindústrias estão entre as prioridades do Plano Safra em Urucará. Em todo o Estado, o programa tem investimentos programados da ordem de R$ 362 milhões no fomento à atividade agrícola, aplicando tecnologia através da mecanização, dando assessoramento técnico, extensão rural e fomentando cadeias produtivas através do crédito facilitado. “O plano vai dar a oportunidade dos nossos produtores trabalharem, saindo do cabo do machado, terçado e da enxada e mecanizarem dando mais produtividade”, disse José Melo.

De acordo com o governador, o plano estadual da produção deve dar nova fisionomia ao interior, aumentando a produtividade a partir do emprego de tecnologia e expansão da extensão rural. “Queremos entrar onde puder com a mecanização. Os tratores entram, mecanizam o solo, colocam calcário e a mandioca que dava uma, passa a dar quatro, ou seja, aumenta a produtividade. Atrás do Plano Safra vem o nosso grande projeto de criação de peixe em cativeiro, escavando tanques em todas as vicinais para que o homem e a mulher do interior possam vender o peixe e conseguir ganhar mais dinheiro”, disse.

Os recursos do Plano Safra em Urucará serão distribuídos em mecanização e subsídio de calcário para fortalecer a cultura da mandioca, culturas industriais e pecuária de corte e leite. Cerca de 550 hectares de área serão mecanizadas na cidade. Para melhorar o aproveitamento da terra em parceria com a prefeitura de Urucará, José Melo entregou nesta quinta-feira mais de R$ 1 milhão em implementos agrícolas, como trator, plaina agrícola frontal, grade aradora, distribuidora de calcário, roçadeira, trator de esteira e um caminhão.

O Banco do Povo inicia em Urucará com R$ 1,5 milhão destinado a 306 operações de crédito para empreendedores de pequenos negócios, que devem gerar ou manter 918 ocupações econômicas, segundo dados da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), que coordena o programa.

Por meio do Banco do Povo, o Governo do Estado disponibiliza crédito para trabalhadores autônomos, microempreendedores individuais, profissionais liberais, produtores rurais e micro e pequenas empresas que queiram iniciar, manter ou ampliar seu próprio negócio. Este ano, o programa já financiou 16 mil operações de crédito no Estado, com o desembolso de R$ 77,2 milhões para fomentar a economia, com a geração/manutenção de cerca de 49 mil ocupações econômicas.

Em Urucará, o governador também entregou tablets a 101 professores da rede municipal de ensino, como parte do Pacto pela Educação do Amazonas, lançado pelo governador José Melo em setembro deste ano com objetivo de ampliar os indicadores de qualidade da educação no Estado.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505