18/12/2015 12h16 - Atualizado em 18/12/2015 12h16

Estudante da rede estadual é premiado em “Concurso Latino-americano de Contos”

O estudante é Rafael Rodriguez Campos da Escola Brigadeiro João Camarão Telles Ribeiro.
Foto: Divulgação/Seduc
Foto: Divulgação/Seduc

Com o conto “História que vovô contava” o estudante Rafael Rodriguez Campos, aluno do 8º ano do ensino fundamental da escola estadual Brigadeiro João Camarão Telles Ribeiro, foi premiado como o melhor brasileiro na categoria “6 a 12 anos” do 3º Concurso Latino-Americano de Contos realizado pela Fundação MAPFRE.

Com o tema “O futuro em nossas mãos” e organizado nas categorias “6 a 12” e “12 a 18 anos” o concurso foi direcionado a estudantes de 18 países, sendo eles: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, Republica Dominicana, Uruguai e Venezuela.

O conto do estudante da rede pública estadual do Amazonas foi o grande vencedor nacional na categoria “6 a 12 anos” e, no site do concurso, foi o 18º conto mais votado em um universo de aproximadamente 1.900 trabalhos inscritos.

O resultado final do concurso, assim como a relação dos contos estudantis mais votados, pode ser acessado no site: https://elfuturoennuestrasmanos.fundacionmapfre.org/

Pela conquista, Rafael Rodrigo Campos foi premiado, na última quinta-feira (17), em cerimônia realizada na sede sucursal da Fundação MAPFRE, localizada no bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul de Manaus.

Para o estudante amazonense, o reconhecimento público pela participação no concurso é muito gratificante. “É uma conquista que nos enche de orgulho e que nos motiva imensamente. Pelo resultado obtido, externo meus os agradecimentos a minha família, aos amigos e à equipe escolar pelo incentivo e apoio”, mencionou o estudante.

Inspiração – Rafael Campos explicou que foi a partir da história de sua família, cuja essência é ribeirinha, que ele encontrou inspiração para narrar o conto.

“Meu avô, ribeirinho, passava horas me contando histórias que envolviam a cultura do caboclo amazonense, como lendas e ‘casos’ da floresta. Foi a partir disso e de visitas a áreas florestais organizadas pela minha escola que busquei inspiração. No meu conto, exalto a importância de preservar e recuperar a maior floresta do mundo, pois é o lugar onde vivo”, explicou Rafael.

Para a professora Devânia Carvalho, coordenadora do concurso no âmbito da escola estadual Brigadeiro João Camarão, o tema explorado pelo aluno favoreceu a conquista. “No conto elaborado por Rafael, o tema da florestabilidade é muito evidente, algo que ele aprendeu não apenas com visitas que realizamos, mas também com a história da família dele, cujos avós são ribeirinhos. Vibrei muito quando soube que o conto foi premiado. É o resultado de bastante esforço não apenas dele, mas da família e da escola”, afirmou a professora.

O conto “História que vovô contava”, elaborado por Rafael Rodriguez Campos, aluno da escola estadual Brigadeiro João Camarão T. Ribeiro pode ser acessado no endereço:
https://elfuturoennuestrasmanos.fundacionmapfre.org/pt/cuento/206/historia-que-vovo-contava/
https://elfuturoennuestrasmanos.fundacionmapfre.org/pt/cuento/206/historia-que-vovo-contava/
O concurso – Direcionado a estudantes de 18 países latino-americanos, o concurso educativo foi organizado em duas fases, onde a primeira consistiu em votação popular no site do certame, contabilizando a cada autor, um ponto por cada voto computado. Uma vez finalizado o período de votação popular, os 20 contos mais votados de cada país foram selecionados e avaliados por uma banca examinadora que indicou, após análise técnica, os vencedores finais.

Sendo o 18º conto mais votado, dentre mais de 1.900 inscritos, o trabalho do aluno amazonense Rafael Rodriguez Campos foi, ao final do certame, anunciando como o melhor trabalho brasileiro na categoria “6 a 12 anos”.

Promotora do 3º Concurso Latino-americano de Contos, a Fundação MAPFRE tem por objetivo contribuir com a formação do cidadão e disseminar valores e cultura para a sociedade com a realização de iniciativas nas áreas de: Cultura, Promoção à Saúde, Prevenção e Segurança Viária, Ação Social e Seguro e Previdência Social.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505