09/12/2015 15h02 - Atualizado em 9/12/2015 15h02

PC prende terceiro envolvido em caso de jovem esquartejada

O criminoso disse ter ajudado a matar, mas nega participação no esquartejamento.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Ivo Martins, apresentou na manhã desta quarta-feira, dia 9, durante coletiva de imprensa realizada na sede da Delegacia Geral, Rodrigo de Castro Sá, 18. Ele foi preso no último sábado, dia 5, em cumprimento a mandado de prisão, pela participação na morte e esquartejamento da jovem Ana Caroline Nascimento dos Santos, que na ocasião tinha 18 anos. O fato ocorreu no dia 2 de novembro deste ano.

De acordo com o delegado Ivo Martins, a polícia chegou ao paradeiro de Rodrigo por meio de denúncia anônima. Ele foi capturado na residência de uma tia dele, situada na Rua Topázio, bairro Nova Floresta, zona Norte. “Ele estava escondido nesse imóvel e não resistiu à prisão”, afirmou Martins.

Ainda de acordo com o delegado, Rodrigo é o terceiro envolvido no crime, que já foi localizado pela polícia. Um adolescente, de 17 anos e Franklin da Silva Conceição, 20, apontado como ex-namorado de Ana Caroline, foram capturados pela polícia nos dias 16 e 18 de novembro deste ano, respectivamente. Além de Rodrigo, Franklin e o adolescente, outros quatro indivíduos participaram do homicídio, sendo dois maiores e dois menores. Todos já foram identificados pela equipe de investigação da especializada.

Conforme a autoridade policial, o crime ocorreu na madrugada do dia 2 de novembro, em uma casa alugada, na Rua Edson Vieiralves, bairro Novo Aleixo, zona Norte. Os sete rapazes e Ana Caroline consumiam drogas quando se iniciou uma discussão entre a vítima e um dos adolescentes, de 17 anos, que queria manter relações sexuais à força com ela.

Conforme Ivo Martins, após o desentendimento entre Ana Caroline e o adolescente, ele se irritou e instigou os outros envolvidos a cometerem o homicídio e o esquartejamento da vítima. Rodrigo alegou, em depoimento, que ajudou a desferir as facadas na jovem, mas negou que tenha participado do esquartejamento dela. Partes do corpo da vítima foram encontradas em diferentes pontos da cidade, ao longo do mês de novembro.

“Nós sabemos que Rodrigo participou efetivamente do crime, desferindo facadas em Ana Caroline e que tentou conseguir, posteriormente, um veículo para transportar o corpo dela, mas não logrou êxito porque, segundo ele, teria sido abordado por uma guarnição da Polícia Militar, motivo pelo qual os envolvidos decidiram esquartejá-la. Portanto, é mais um elemento que sai de circulação e esperamos agora prender os dois maiores e apreender os dois menores e dar o caso por encerrado”, declarou o delegado.

O mandado de prisão em nome de Rodrigo foi expedido pelo juiz de direito Mauro Moraes Antony, do 3º Tribunal do Júri. Na Dehs, o jovem foi indiciado por homicídio qualificado e, ao final dos procedimentos, ele será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde permanecerá à disposição da Justiça.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505