04/12/2015 13h42 - Atualizado em 4/12/2015 13h42

Programa premiado no InovaSUS é aprovado em estudo realizado in loco na Semsa

O prêmio Inova SUS é concedido pelo Ministério da Saúde.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Ganhador do 1º lugar do Prêmio InovaSUS 2013, o programa “PCCS: A Avaliação de Desempenho Construindo Mudanças no Ambiente de Trabalho”, da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), foi alvo de avaliação de uma equipe formada por representantes do Ministério da Saúde, Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e da Escola de Saúde Pública de Andaluzia (Espanha), durante esta semana. O resultado, com total aprovação, foi apresentado nesta sexta-feira ao secretário da Semsa, Homero de Miranda Leão Neto.

“É, agora, um prêmio nacional, com mérito internacional, que nos gratifica muito, pois é fruto da determinação e desempenho dos servidores idealizadores, que foi concretizado pela gestão e está sendo exemplo para o Brasil e para outros países”, disse o secretário.

O prêmio Inova SUS é concedido pelo Ministério da Saúde e tem como principal objetivo estimular que todas as secretarias municipais e estaduais apresentem propostas para inovar na gestão, indo ao encontro da política de desenvolvimento do servidor exercida na atual gestão. “Nós visamos a valorização do servidor para que ele, mais satisfeito, mais eficiente, faça melhor na ponta, no acolhimento dos nossos usuários de um modo geral. É importante que tenhamos demonstrações como esta e para nós é uma alegria, um enorme orgulho em ter sido premiado por estas instituições”, comemorou.

Maria Luíza Fonseca do Vale, coordenadora geral de Gestão do Trabalho do MS, explica que essa é uma experiência de avaliação de desempenho da Semsa. “Trouxemos uma equipe que tem expertise na avaliação de boas práticas para visitar e aprofundar uma metodologia de análise dessas boas práticas para o prêmio InovaSUS. O prêmio está na sua quinta edição e tem essa novidade das visitas in loco, que nós estamos nos preparando para realizar, então viemos testar a nossa metodologia de análise com a experiência premiada aqui da Semsa. A secretaria está de parabéns, pois está com o programa muito bem trabalhado e desenvolvido, com a APD sendo um sucesso, e foi muito gratificante poder verificar isso de perto”, analisou.

A motivação dos servidores foi um dos pontos fortes, segundo a avaliação dos especialistas. “A APD é um instrumento que motiva profissionais. Percebi que os servidores se sentem orgulhosos de pertencer à Semsa. No final de tudo, quem ganha mesmo é a população que recebe os serviços de profissionais comprometidos e satisfeitos com suas atividades laborais. Levo do Amazonas uma agradável lembrança de um serviço de Saúde muito bem organizado”, disse Sandra Pinzón, professora da Escola de Saúde de Andaluzia da Espanha.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505