27/01/2016 14h57 - Atualizado em 27/01/2016 15h28

Após publicação sobre reunião com representantes do CNEE, Eduardo Braga é criticado por internautas

Comentários foram sobre aumento de quase 40% nas contas de energia no AM.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Após publicação, em seu perfil oficial do Facebook, sobre reunião realizada na última terça-feira (26) com representantes do Conselho Nacional de Energia Elétrica, o ministro de Minas e Energia Eduardo Braga foi criticado pelos seus seguidores. As críticas giraram em torno do aumento de quase 40% nas contas de energia dos amazonenses.

Um dos seguidores do político escreveu: “E há um bando de alienado achando o manipulador político competente. Espero que as investigações não fiquem no Congresso. Vai cair muito santo”.

Outro internauta criticou os apoiadores do ministro. “Opiniões tem que ser respeitadas, mas puxação de saco isso não dá para engolir. Até o pior leigo em política vai saber discernir que isso é um golpe do Eduardo Braga. E a conta só aumenta, só aumenta e aumenta. Agora que existe uma chance de voltar ao governo (do Amazonas) ele vem falar em redução. Esse chama o povo amazonense de burro o tempo todo e muitos aplaudindo. Vai entender”.

Outro seguidor ironizou o político pelo reajuste de quase 40% no valor das contas de energia no Amazonas. “Parabéns aos nossos 40% de aumento e pelos retroativos que iremos pagar nas próximas contas de energia”.

Em Manaus, representantes dos órgãos de defesa do consumidor estão empenhados em conseguir a suspensão do aumento.

Publicação

O ministro escreveu na rede social sobre a reunião: “Na tarde de hoje (terça-feira 26), estive reunido com representantes do Conselho Nacional de Consumidores de Energia Elétrica que me apresentaram propostas de aprimoramento para o setor energético.
É com esses esforços, e diálogo aberto, que o MME ajuda a criar as políticas para levar energia a todos os brasileiros”.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Fonte: Redação AM Post

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505