17/01/2016 17h03 - Atualizado em 17/01/2016 17h06

Cinco alimentos que você pensa que são saudáveis, mas não são

Conferir os ingredientes e ler o rótulo dos alimentos vai garantir que você acerte na hora de escolher.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

É cada vez maior o número de pessoas que se preocupam com qualidade de vida, bem estar, saúde e boa forma. No quesito alimentação, há uma grande variedade de alimentos que muitas pessoas acreditam que são saudáveis e aliados da dieta, mas será que são mesmo?

A verdade é que muitos desses alimentos aparentemente inocentes e cheios de benefícios para a saúde podem possuir quantidades significativas de açucares, gorduras e sódio, que ao contrário de “mocinhos”, são considerados “vilões” e sabotam a dieta.

Para te ajudar na hora da escolha, segue uma lista dos alimentos mais utilizados em dietas e que são considerados saudáveis, porém NÃO SÃO:

1- Barrinha de cereal: Fácil de levar na bolsa, rica em fibra e proporciona saciedade, por isso é considerada por muitos uma boa opção de lanche. Atenção! Muitas barrinhas de cereais comercializadas contêm açucares em excesso, sódio, gorduras, conservantes e aromatizantes. Na hora de comprar, leia o rótulo e fique de olho no valor nutricional do produto que pretende comprar.

2- Pão Integral: Ao ler na embalagem que esse alimento possui grãos integrais já consideramos esse alimento saudável. No entanto, alguns pães são produzidos com farinha e açúcar refinado e ainda contém baixo valor de fibras. Uma boa dica pra acertar na hora da compra é atentar para a tabelinha com valor nutricional. A lista de ingredientes é em ordem decrescente, o primeiro ingrediente tem maior quantidade e o último a menor. Portanto, a farinha integral deve ser o primeiro ingrediente da lista.

3- Peito de Peru: É muito utilizado como uma alternativa ao presunto e considerado aliado por ser fonte de proteína com baixo teor de gordura, porém possui muito sódio. E não para por aí! É um alimento embutido, industrializado e para conservar esse alimento as indústrias utilizam nitritos e nitratos que, segundo alguns estudos, são substâncias cancerígenas. Limite-se ao consumo apenas uma vez na semana e prefira sempre a versão sem capa de gordura.

4- Cereal Matinal Integral: É uma boa opção como fonte de energia já que é feito de grão de milho, porém é só! Basta reparar no açúcar que sobra no finalzinho do pacote pra ver que esse alimento não é tão saudável assim. Prefira sempre os cereais na versão sem açúcar e adicione frutas, desta forma você vai tornar a refeição mais nutritiva e sabor do cereal mais docinho e gostoso.

5- Alimentos Light e Diet: Esses alimentos são destinados a obesos ou diabéticos e por ser uma versão menos calórica e com menos gorduras, as pessoas acham que podem usar e abusar desses produtos. Cuidado! Para preservar o sabor, os fabricantes adicionam sódio, além de serem industrializados e cheios de conservantes. Leia o rótulo e na hora de consumir, compare e faça as contas para não exagerar e consumir mais calorias que na versão clássica.

Os alimentos podem estar a favor ou contra sua saúde, não se deixe enganar! Conferir os ingredientes e ler o rótulo dos alimentos vai garantir que você acerte na hora de escolher os alimentos mais saudáveis.

Vale a pena investir um tempinho a mais na hora da compra e ter consciência do produto que vai levar pra casa e comer. Lembre-se, você é o que você come!

Fonte: Bárbarah Samissa/Nutricionista

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505