22/02/2016 11h07 - Atualizado em 23/02/2016 11h49

Com foco em Santana, processo de cassação de Dilma no TSE ganha força

O TSE deve pedir o compartilhamento das provas.
Foto: O Globo
Foto: O Globo

O foco da nova fase da Lava-Jato nos pagamentos feitos ao marqueteiro João Santana reforça a ação de cassação de mandato eletivo contra a presidente Dilma Rousseff no Tribunal Superior Eleitoral.

A avaliação é de ministros do TSE, que acompanham as primeiras explicações dadas pela força-tarefa sobre a complexa engenharia de pagamentos a Santana no exterior. Segundo a Polícia Federal e o Ministério Público, a origem dos recursos era dinheiro fruto da corrupção na Petrobras.

O TSE deve pedir o compartilhamento das provas tão logo o inquérito tenha o sigilo levantado.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505