17/02/2016 16h21 - Atualizado em 17/02/2016 16h24

Deputado pede rigor na investigação do assassinato de militante do PDT

Corpo de Alexandre Gomes foi reconhecido ontem (16) por familiares no IML.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O deputado e presidente do PDT-AM, Dermilson Chagas, pediu da tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), na manhã desta quarta-feira, rigor da Segurança Pública do Estado do Amazonas na investigação do assassinato do militante do PDT Alexandre Cézar Ferreira Gomes, de 33 anos. O corpo dele foi encontrado no sábado (13) no bairro do Puraquequara, zona leste de Manaus, com um tiro na cabeça. Na terça, familiares de Alexandre o reconheceram no IML onde estava como indigente. O enterro ocorreu ontem.

Chagas afirmou que vai conversar com secretário de Segurança Pública, Sérgio Fontes, para reforçar o pedido de investigação. O deputado disse reconhecer o esforço que a nova equipe de Segurança Pública está fazendo no confronto dos gargalos do setor, mas indicou que crimes dessa natureza mostram o quanto ainda se precisa avançar na repressão à violência.

“Pedi que o caso seja investigado com rigor. Nenhum crime deve ficar impune, evidente. Mas Manaus não pode mais conviver com crimes dessa natureza”, afirma.

Gomes estava desaparecido desde a última sexta-feira (12) e, segundo familiares, não tinha envolvimento com entorpecentes, fazia parte de grupos da igreja católica e era uma pessoa pacata. No PDT, Gomes militava há 10 anos na juventude da legenda.

O caso está sendo investigado na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505