25/02/2016 13h51 - Atualizado em 25/02/2016 13h51

Família do tráfico: Mãe e filho são presos com drogas no Mauazinho

Os criminosos foram denunciados por vizinhos.
Foto: Divulgação PC
Foto: Divulgação PC

A equipe de investigação do 29º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado titular da unidade policial, Mauro Santos, prendeu no início da noite de quarta-feira, dia 24, na Rua Rio Negro, bairro Mauazinho, zona Leste de Manaus, Ronaldo Castro Mar, 32, conhecido como “B12”; a mãe dele, Vicencia Maria das Dores, 62, além de Alexandre Monteiro de Souza, 31.

De acordo com a autoridade policial, mãe e filho foram presos em flagrante por volta das 18h, por envolvimento com o tráfico de drogas naquela região da cidade. “Chegamos até a Ronaldo e Vicencia após o recebimento de denúncia anônima, informando a prática ilícita no lugar. Na casa deles foram encontradas 72 trouxinhas de substância entorpecente, entre pasta base de cocaína e maconha do tipo skunk, além de um simulacro de arma de fogo, rádios transmissores e catolés, utilizados para avisar a chegada da polícia na área”, explicou Mauro.

O delegado titular do 29º DIP disse, ainda, que Ronaldo estava sendo investigado desde dezembro de 2015 e o material apreendido com ele serviu para confirmar as informações apuradas ao longo das diligências, comprovando o envolvimento do infrator com a comercialização de drogas no bairro Mauazinho.

Ao longo da ação policial, Alexandre foi abordado em atitude suspeita, enquanto observava, nervoso, as prisões dos vizinhos. Ao consultarem o sistema de dados da Polícia Civil, investigadores constataram que havia um mandado de prisão em aberto em nome do infrator, expedido em setembro de 2009, pelo juiz Luís Carlos Valois Coelho, da Vara de Execução Penal (VEP).

Alexandre estava sendo procurado pela autoria do homicídio de Wallace Andrade Vieira, ocorrido em maio de 2007, na Rua Bertino Miranda, bairro Colônia Oliveira Machado, zona Sul de Manaus.

Consta nos autos que Alexandre era cunhado da vítima e acreditava que Wallace havia roubado alguns pertences do infrator, uma vez que moravam na mesma casa. Por conta disso, teria desferido golpes de faca na vítima, o que acabou provocando a morte de Wallace.

O homem foi conduzido à unidade policial, onde prestou esclarecimentos e foi indiciado por homicídio. Ao término dos procedimentos legais, Alexandre foi levado para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Ronaldo e Vicencia foram autuados, em flagrante, por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Ele será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro da cidade, e a idosa conduzida ao Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF), no quilômetro oito da rodovia federal BR-174.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505