15/02/2016 10h31 - Atualizado em 15/02/2016 20h37

Guarda Municipal reivindica melhores condições de trabalho em manifestação na CMM

Arthur Neto afirmou que os profissionais querem obter status de militares.
Foto: Robervaldo rocha/CMM
Foto: Robervaldo rocha/CMM

A Associação dos Guardas Municipais de Manaus (Aggmman) realizou manifestação na manhã desta segunda-feira (15), na Câmara Municipal de Manaus (CMM), ocasião que ocorreu a abertura dos trabalhos legislativos de 2016 do município. Os trabalhadores reivindicam melhorias nas condições de trabalho.

Os profissionais reclamam de perseguição; escala de serviço abusiva; descaso no aspecto da Lei 13.022/2014, que trata do Estatuto dos Guardas Municipais; transferências arbitrárias; assédio moral e postos de trabalho insalubres.

O prefeito Arthur Neto (PSDB) afirmou em coletiva de imprensa que os profissionais querem obter status de militares e quebram hierarquia agindo dessa forma. Sobre a manifestação ele disse que o caminho está aberto para o diálogo.

“O caminho está aberto para conversas, o que não se pode é quebrar hierarquia. Eles querem se igualar a militares eu posso pegar o cabeça dessa manifestação e demiti-lo. Eu não tolero quebra de hierarquia. Eles querem ser tratados como militares, eles devem trabalhar de acordo com suas responsabilidades”, pontuou.

De acordo com o responsável pelo manifesto, Ulisses Santos, as reivindicações se arrastam desde 2014 e até agora não foram atendidas e afirma que o município quer manipular o estágio probatório dos guardas.

Fonte: Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505