18/03/2016 12h35 - Atualizado em 18/03/2016 12h47

Deputados e vereadores em exercício do mandato têm até amanhã para mudar de partido

Mais de 10 parlamentares já ‘pularam’ a janela partidária.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Parlamentares em exercício do mandato, têm até amanhã (19), para mudar de partido aproveitando a abertura da janela partidária sem perder o mandato ou ser punido pela Justiça Eleitoral. Já para os políticos que não estão no exercício do mandato, o prazo segue até o dia 2 de abril.

No Amazonas alguns deputados estaduais já trocaram de sigla, entre eles, o deputado Belarmino Lins, que se desfiliou do PMDB, onde estava há 12 anos e se filiou no partido do governador José Melo, o PROS. Na quinta-feira, o deputado Adjuto Afonso também anunciou por meio de sua assessoria de imprensa sua desfiliação do Partido Progressista (PP).

Na semana passada, quem trocou de partido foi a única representante feminina na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), a deputada Alessandra Campêlo, que após 21 anos deixou o PCdoB para se filiar no partido do ministro de Minas e Energia e ex-governador do Amazonas, Eduardo Braga. Além de Francisco Souza que deixou o PSC e o deputado Dermilson Chagas que também anunciou semana passada que deverá deixar o PDT.

Deputados federais também já ‘pularam’ de partido são eles, Silas Câmara que se desfiliou do PSD e se filiou ao PRB e Hissa Abrahão que deixou o PPS e se filiou ao PDT, partido do ex-prefeito Amazonino Mendes.

Vereadores
Na Câmara Municipal de Manaus, o vereador e pastor Joelson Silva deixou o Partido Humanista Solidariedade (PHS) e ingressou no Parido Social Cristão (PSC). Outro que trocou de sigla foi o Dr. Ewerton Wanderley que se desligou do Partido Social Democrático Brasileiro (PSDB) e o ingressou no Partido da Pátria Livre (PPL), inclusive assumindo a presidência municipal do partido.

O vereador Gilmar Mendes secretário municipal de Administração na prefeitura comandada por Arthur Virgílio Neto (PSDB), se filiou ao PSDB deixando o PDT, na quinta-feira (17). Outros que sinalizam trocar de sigla são os vereadores Glória Carrate e Hiram Nicolau, ambos do PSD, Ednailson Rozenha, atualmente do PSDB e Jairo da Vical (do PROS.

Os vereadores trocam de partido visando suas reeleições, deixando os partidos que ‘matematicamente’ são mais difíceis de conseguirem uma reeleição. Enquanto uns afirmam deixar as atuais siglas de forma amigável, outros fazem questão de mostrar o desconforto e falam da falta de apoio recebido.

Fonte: Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505