02/03/2016 09h58 - Atualizado em 2/03/2016 09h58

Especial Jeito Moleque e Sorriso Maroto anima a Roda de samba do Gargalo, nesta quarta

O público também poderá desfrutar de um rodízio de chopp das 19h às 22h.
Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

O maior point de encontro do samba e do pagode em Manaus, a Roda de Samba do Gargalo, preparou um especial para a primeira quarta-feira (02) de Março. A partir das 20h, o D’Samba, acompanhado do cantor Yury Santos, do grupo Cacildis fará um especial com sucessos do Jeito Moleque e Sorriso Maroto, referências do pagode romântico brasileiro. O público pode esperar uma noite inesquecível, cheia de swing e romantismo. O Happy-hour será animado pela Banda Moovee. O público também poderá desfrutar de um rodízio de chopp (das 19h às 22h) no valor individual de R$35. O couvert artístico custa R$ 10.

O Jeito Moleque, nasceu em São Paulo (SP), em 1998, quando, após as partidas de futebol jogadas em um clube do bairro, os cinco amigos de infância, Bruno, Carlinhos, Felipe, Rafa e Alemão, se aproximaram dos músicos que tocavam no local e começaram a formar um grupo de pagode universitário, gênero conhecido por misturar influências da música pop com o samba. Em dezembro de 2007, o Jeito Moleque gravou em Manaus, o CD e DVD: Ao Vivo na Amazônia, num show com público superior a 20 mil pessoas.Outro grupo que têm bastante fãs amazonenses, é o Sorriso Maroto. O quinteto, natural do Rio de Janeiro, rapidamente atingiu o status de grupo de samba romântico de maior aceitação entre os jovens. Tanto pelos temas cantados – amor, saudade, namoros e diversão – quanto pela afinidade dos integrantes com o público.

A Característica marcante é que ambos sabem dividir muito bem os momentos agitados e românticos em seus discos e shows. E é nisso, que o D’ Samba se inspira. “Nosso estilo musical abrange varias vertentes e é bastante diversificado. Tal qual, o Jeito Moleque, uma das primeiras bandas a trabalharem assim. Em relação ao Sorriso Maroto, o que temos em comum é o romantismo em certos momentos do show. Os dois são referências para todas as bandas de pagode do Brasil e com o D’Samba não seria diferente” disse o vocalista do grupo, Prata Filho. Sucessos como “1 metro e 65”, “Vai e Chora” (Sorriso Maroto), “Hoje à noite é nossa” e “Amor Eterno” (Jeito Moleque) estarão no repertório dessa noite.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505