16/03/2016 16h02 - Atualizado em 16/03/2016 16h21

IPTU 2016: Graça Figueiredo cassa liminar que suspendia a cobrança do imposto em Manaus

A cobrança estava suspensa desde a última sexta-feira (11).
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

No início da tarde desta quarta-feira (16), a presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, Maria das Graças Figueiredo, cassou a liminar que suspendia a cobrança do IPTU 2016.

Segundo despacho da desembargadora, a juíza juíza Kathleen Gomes, plantonista de primeiro grau, se baseou em valores cobrados em apenas algumas partes da cidade de Manaus, como o Tarumã.

A prefeitura poderá continuar a cobrança do imposto, até que os valores sejam julgados. A desembargadora observa, ainda, que o erário público poderá ficar sem recursos e ter prejuízos caso fique sem recolher o imposto.

Ainda de acordo com o despacho, a ação movida pelo Ministério Público Estadual e pela Ordem dos Advogados do Brasil, não comprovou que a suspensão da cobrança do IPTU não representaria prejuízos graves ao erário público.

Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505