14/04/2016 07h22 - Atualizado em 14/04/2016 07h22

Cantor Tico Santa Cruz faz confusão em avião e é expulso pela PF

Mesmo sabendo das normas da Gol, ele preferiu bater boca dentro do voo.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O cantor, Tico Santa Cruz foi expulso na quarta-feira de um avião da Gol que faria o trajeto entre São Paulo e Maringá, no Paraná, o músico discutiu com funcionários da companhia. A confusão começou depois de ser impedido de sentar em uma poltrona diferente da que estava marcada em sua passagem – ele tentou viajar no chamado “assento conforto” sem ter comprado a passagem para se acomodar no assento.

Tico fez com que o voo se atrasasse, o que deixou muitos passageiros revoltados. O bate-boca foi tão intenso que a Polícia Federal (PF) foi chamada e o cantor teve que ser expulso. Ele se defendeu dizendo, que a empresa não pode cobrar taxas extras pelos assentos confortos, sendo que a Gol deixa claro que as sete primeiras fileiras das aeronaves da Gol são​ diferenciadas em relação aos demais assentos, pois oferecem espaço ainda maior entre as poltronas e reclinação do assento” e que “esses assentos estão identificados no mapa da aeronave com cores diferenciadas e podem ser adquiridos por um preço adicional”.

Fonte: Veja e Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505