20/04/2016 14h40 - Atualizado em 20/04/2016 14h41

Ministra do TSE autoriza PF a investigar campanha de Dilma e Temer

A denúncia diz que os valores ilícitos seriam oriundos do esquema corrupção na Petrobras.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A relatora das quatro ações do TSE que pedem a cassação da chapa da presidente Dilma e de Michel Temer, ministra Maria Thereza de Assis, emitiu um despacho que autoriza a Polícia Federal a coletar provas para embasar processos.

A autorização da relatora permite que os agentes tenham liberdade para investigar a campanha da releição de Dilma, em 2014. Dilma e Temer são acusados de usar recursos públicos para promover a campanha eleitoral. De acordo com a denúncia, os valores ilícitos seriam oriundos de esquema de corrupção na Petrobras, esses recursos poderiam ter sido misturados com as doações oficiais.

A ministra também pediu que os depoimentos feitos por executivos da Andrade Gutierrez sejam compartilhados com o Tribunal Superior Eleitoral. Caso o TSE julgue procedente a ação de investigação, os dois perdem o cargo.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505