20/04/2016 15h35 - Atualizado em 20/04/2016 15h35

Pauderney recomenda que Dilma consulte Constituição e lei do impeachment no deslocamento para EUA

O deputado lamenta que Dilma esteja evitando “olhar olho no olho dos brasileiros” e buscando apoio no exterior.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O líder do Democratas na Câmara, deputado Pauderney Avelino (AM), comentou a decisão de a presidente Dilma Rousseff de viajar para os Estados Unidos, onde participa, em Nova York, da reunião sobre clima da ONU. “Sem apoio no Brasil, que está destruído em função dos erros cometidos pelo PT, ela viaja para repetir, no exterior, o discurso que já caiu por terra aqui: de que é vítima de golpe”, afirmou o líder. “Não é golpe. É impeachment previsto na lei máxima do nosso país”, completou.

“Sugiro que Dilma consulte, durante a viagem, a Constituição e a lei do impeachment, pois, se aceitar minha sugestão, desembarcará em solo americano sabendo que cometeu crime fiscal e que por isso deve ser afastada da Presidência”, comentou.

Ele lamentou que a presidente esteja evitando “olhar olho no olho dos brasileiros” e buscando apoio no exterior. Nas últimas semanas, Dilma evitou o contato direto com a população, optando por discursos em locais fechados, para uma plateia formada apenas por petistas e asseclas.

É fato, segundo ele, que a imprensa internacional acompanhou o que aconteceu no Brasil no último final de semana, quando a Câmara expressou a vontade da maioria dos brasileiros ao aprovar por 367 votos o prosseguimento do processo de impeachment. “A vontade dos brasileiros é soberana”, completou.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505