25/05/2016 16h49 - Atualizado em 25/05/2016 16h49

Após encontro com ministro da Educação, Alexandre Frota é atacado pelo ator José de Abreu no Twitter

Frota não deixou barato e respondeu no mesmo tom: “Velho escroto”.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A passagem de Alexandre Frota pelo ministério da Educação, nesta quarta-feira, em encontro com Mendonça Filho, agitou a internet e gerou repercussão negativa para outros artistas. Um deles, o ator José de Abreu que, no seu perfil no Twitter, manifestou seu descontentamento com a visita do ator a Brasília.

“Quando a gente acha que chegou ao fundo do poço descobre que o ministro da Educação recebe sugestões do Alexandre Frota! Vão tomar no cu!”, esbravejou José de Abreu. Por sua vez, Frota não deixou barato e rebateu: “Quando a gente acha que chegou ao fundo do poço descobre que o ministro da Educação recebe sugestões do Alexandre Frota! Vão tomar no cu!”

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

No vídeo, Frota fala enquanto dirige: “Eu vou mandar esse recado para o grande ator José de Abreu. Um ator que se diz tão politizado, que luta pela democracia, uma ator inteligente, empregado, que não passa nenhum tipo de necessidade como o povo brasileiro (passa)… Zé, foi muito feio, né? Você cuspiu na cara de um pai de família e de uma mãe de família. Eu pergunto para você: você acha que você agiu certo? E ainda foi ironizar o pobre casal nas sua páginas do Twitter… Agora você já até excluiu a página(a conta no Twitter). Eu acho que foi um ato covarde seu, Zé.”
Frota continua dizendo: “Sabemos que você é petista, luta pelo governo de Dilma Rousseff, de Lula, que você é comunista e mama na teta dos governos com a Lei Rouanet, mas até aí tudo certo, esse é o jogo… agora, cuspir na cara, você foi filho da puta” e segue xingando José de Abreu, a quem chama de “babaca”, “baixo”, “escroto” e “medíocre”.

Por fim, Frota ainda ameaça: “Tô louco pra encontrar contigo, irmão. E vou te dar a minha cara pra você cuspir, Zé. Eu duvido você cuspir. E tomara que você cuspa, Zé, eu vou rezar pra você cuspir, tá bom? Esse é o recado que eu tenho pra dar pra você. Eu achei você um merda por esse ato vagabundo”.

— O casal estava sentado ao nosso lado e a minha mulher começou a perceber que o homem começou a xingar a gente. Ele falava que o nosso dinheiro era de roubo, de Lei Rounet, nos xingava de safados. Minha mulher, percebendo que eu ainda não tinha ouvido, tentou evitar que eu escutasse. O cara ao lado começou a me chamar de ladrão e a chamar minha mulher de vagabunda. Foi natural: fiquei com a cabeça quente. Quem não ficaria? — disse.

José, que terminou seu mais recente trabalho na televisão em março, disse ainda que se surpreendeu com os insultos:
— Ele dizia que era fácil roubar dinheiro do povo e ir gastar em restaurante japonês. O meu dinheiro não vem de Lei Rouanet. O meu dinheiro vem da TV Globo, do meu trabalho como ator. Ontem mesmo, num hotel, eu tirei mais de cem fotografias. As pessoas não costumam me tratar assim. Eu não sou ladrão. Eu sou honesto. Não preciso que ninguém venha me dar lição de moral.

Da noite de sexta-feira para sábado, começou a viralizar na internet um vídeo do ator discutindo com duas pessoas no restaurante. A discussão começa quando o homem, sentado a uma mesa próxima do ator, começa a criticá-lo. No vídeo, é possível ver o cliente gesticulando nas argumentações.

Em seu Twitter, José de Abreu desabafou sobre o episódio. Vários prints com o que ele disse foram postados em redes sociais.

“Acabei de ser ofendido num restaurante paulista. Cuspi na cara do coxinha e da mulher dele! Não reagiu! Covarde. Advogado carioca… O covarde perdeu a linha, deve ter cagado nas calças. Cuspi na sua cara, na cara da mulher dele e ele não reagiu. Covardes fascistas. Adorei o entrevero com o coxinha”, escreveu o ator.

Em outros tweets, José de Abreu continuou a relatar o caso:

“Fujão covarde levou uma cusparada na cara e a mulher levou outra. Fascistas são tratados assim: com cuspe na cara! Dele e da mulher. Agressão gratuita sem o menor motivo! ‘Vota no PT e vem comer no japonês!’ Babaca idiota! Cusparada na cara. Durante meia hora ofenderam minha esposa e ela não me disse nada. Na hora de ir embora ele se levantou e começou a discursar. Cuspi na cara! A mulher falou Rouanet e levou outra cusparada. Reagiram? Nada. Covardes devem ser tratados assim. Chamei o fascista de covarde e ele não reagiu. Talvez esperasse a cumplicidade dos frequentadores. Nem a mulher ele defendeu. Só não chamei a polícia em respeito ao dono e ao chefe de cozinha do restaurante que são meus considerados…”.

Após a confusão, o ator chegou a desativar sua conta no microblog, que já está ativa novamente.

Rádio Conexão Brasil

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505