03/06/2016 16h49 - Atualizado em 3/06/2016 16h49

Braga é mais um indeciso no processo de impeachment

Senador afirmou que ainda não sabe se votará contra ou a favor do impeachment de Dilma.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O senador Eduardo Braga (PMDB-AM) é mais um parlamentar que se disse estar indeciso em relação ao processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. Braga, que se ausentou da votação pela admissibilidade do processos por razões de saúde, disse que que ainda está avaliando a questão. “Eu cheguei agora de volta para o Senado. Estou analisando essa questão. Acho que é uma questão muito séria, mas eu ainda não tenho uma definição”, disse.

“Acabei de dizer e falo com sinceridade. Eu não tenho ainda uma definição com relação a essa questão, por quê? Porque, veja, acabei de expressar aqui que eu torço pelo País, estou ajudando no que posso, ajudei no governo da presidenta Dilma, estou ajudando no governo do presidente Michel, seja pela articulação do meu partido, seja nas votações do Senado, sempre votando de acordo com a minha consciência: aquilo que está certo vamos votar, aquilo que nós não achamos correto vamos discordar e vamos dizer porque, mas eu ainda não tenho uma posição definitiva em relação a isso”, reafirmou.

Para ele, o governo interino de Michel Temer demonstrou aspectos positivos em seus primeiros dias, mas ainda “há o que aprimorar muito”. Por exemplo: algumas decisões foram feitas de forma precipitada, que teve que ser revisto pelo presidente. Isso demonstrou, por outro lado, humildade do presidente e reconhecer, por exemplo, o caso da cultura que precisava ser ouvido, mas nós estamos vivendo momentos muito desafiadores no Brasil e esses momentos implicam em várias situações. Por exemplo, ontem, a Câmara aprovou com o apoio do governo, o reajuste dos funcionários públicos num impacto de R$ 58 bilhões até 2019. Portanto, são questões desafiadoras, mas ainda é muito cedo para a gente tirar alguma conclusão e fazer uma avaliação definitiva”, avaliou.

Fonte: Brasil247.com

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505