28/06/2016 10h27 - Atualizado em 29/06/2016 08h19

Justiça determina que tarifa aumente para R$ 3,54 a partir do dia 1º, mas prefeito afirma que passagem não sofrerá reajuste

Em seu perfil no Facebook, Arthur disse que o aumento é imprudente.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A 2ª Câmara Cível, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), publicou decisão na segunda-feira (27), reajustando imediatamente o valor da tarifa do transporte público em Manaus, de R$ 3 para R$ 3,54 e o novo valor será cobrado a partir de sexta-feira (1º).

O valor de R$ 3 está vigorando há três anos e as empresas concessionárias do serviço entraram com ação na Justiça para que o valor fosse reajustado.

Prefeitura

Por meio de nota, a Prefeitura de Manaus disse que vai recorrer da decisão junto ao ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). O prefeito vem afirmando que é contra o aumento e que vai recorrer até a última instância para impedir o reajuste. Ele disse que se a Prefeitura perder em todas as instâncias, ainda assim não permitirá o aumento da tarifa de ônibus.

Em seu perfil no Facebook por meio de áudio, Arthur Neto, afirmou que a tarifa não será reajustada na sexta-feira. Acrescentou ainda a seguinte frase: “Custe o que custar, der no que der e doe em quem doer”. Para o prefeito, o aumento é imprudente, além de uma atitude desonesta e atrevida.

Fonte: Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505