30/06/2016 17h43 - Atualizado em 30/06/2016 17h43

Mais duas pessoas são presas por tentar apagar a tocha olímpica

Ambos os casos aconteceram no Paraná nesta quarta-feira(29).
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Após o caso do jovem que foi preso em Maracaju, no Mato Grosso do Sul, por tentar apagar a tocha olímpica com um balde d’água, a polícia registrou mais duas detenções por tentativas de pessoas que tentaram apagar a chama. Ambos os casos aconteceram no Paraná nesta quarta-feira. No período da tarde, uma mulher já havia sido detida pela Guarda Municipal de Maringá e, de noite, um rapaz tentou apagar a tocha com um extintor em Cascavel.

Em Maringá, o caso aconteceu na Avenida Colombo. Segundo informações do Paraná Portal, a mulher se aproximou do condutor da tocha e tentou apagar a chama com um cartaz, onde estava escrito “Fora, Temer”. Um grupo protestava contra o governo do presidente em exercício em um local próximo onde acontecia o revezamento. Ela foi detida pela Guarda Municipal, encaminhada para a delegacia de Polícia Civil e liberada após pagar fiança correspondente a um salário mínimo. Ela foi autuada por tentativa de dano contra o patrimônio público e desacato a autoridade.

Porém, o caso mais curioso aconteceu em Cascavel. Após o balde d’água e o cartaz, um cidadão tentou usar um extintor de incêndio para apagar a tocha olímpica. Após disparar o jato do extintor contra a tocha, o rapaz provocou uma grande confusão na Praça Itália, situada na avenida Brasil, onde o caso ocorreu. Segundo o portal local Catve, o jovem, identificado como Daniel, acabou preso pela Força Nacional e pela segurança do evento.

RELEMBRE
O primeiro caso de tentativa de apagar o fogo olímpico no Brasil ocorreu em Maracaju, no Mato Grosso do Sul. Na ocasião, um rapaz de 27 anos se aproximou dos condutores e tentou apagar a tocha à distância, com um balde d’água. Ele conseguiu fugir mas, com ajuda de testemunhas, a polícia identificou o rapaz e o prendeu em sua casa.

Fonte: Estadão

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505