08/06/2016 21h13 - Atualizado em 8/06/2016 21h13

Rejeição de 67,4% torna Lula inviável

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Os petistas estão se esforçando para tirar algo de útil da recente pesquisa do CNT/MDA, divulgada hoje. Tentaram encenar uma comemoração – para enganar incautos, claro – dizendo que Lula teria 22% de votos em um primeiro turno. Só faltou eles te contarem o que está por trás desse índice: o PT normalmente tem uma base de 30% de votos garantidos nas principais eleições, e então vemos esse número reduzir em 8%.

Mas o que mais conta mesmo em uma eleição é o índice de rejeição de um candidato: quanto menor o índice, maior a chance de vitória. Um índice em torno de 40% já seria o suficiente para complicar qualquer candidatura.

No caso de Lula, a pesquisa o mostra com uma taxa recorde de rejeição de 67,4%, ainda maior que seu recorde anterior, de fevereiro, de 61,9%. É por isso que no segundo turno, Lula perderia para Aécio, Marina, Serra e Alckmin.

Na verdade, com esse nível de rejeição de Lula, se você, leitor, se candidatar a presidente, ganha de Lula no segundo turno.

Ceticismo Político

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505