24/06/2016 14h22 - Atualizado em 25/06/2016 10h42

Sefaz porcura ganhadores do sorteio da Nota Fiscal Amazonense para entregar prêmios

Cerca de 3.585 prêmios não foram entregues ou estão em vias de serem perdidos por causa de dados não informados ou contendo erros.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Dos dez ganhadores do último sorteio mensal da Nota Fiscal Amazonense (NFA), a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) não consegue localizar Jamelson Martins Vieira, que no último dia 9 de junho, ganhou R$ 5 mil. Ele não é um caso isolado. Dos 19.628 prêmios sorteados para pessoas físicas desde o início da campanha em agosto de 2015 até esta sexta-feira, 17, 18%, ou seja, 3.585 não foram entregues ou estão em vias de serem perdidos por causa de dados não informados ou contendo erros.

A coordenação da campanha tentou informar Jamelson de que ele foi contemplado pelo telefone celular e e-mail que ele forneceu durante o cadastro que ele fez, mas não obteve sucesso e o depósito do prêmio não foi realizado pelo fato de ele não ter informado a conta bancária dele. Sexta-feira da semana passada, dia 17, a Sefaz creditou os prêmios dos nove ganhadores e das entidades apadrinhadas contempladas no último sorteio, o de Jamelson ficou retido. A coordenação alerta para que as pessoas tenham atenção no preenchimento de seus cadastros para evitar que deixem de receber suas premiações, caso sejam contempladas.

“Em 2015, quando a NFA foi lançada, não era necessário o cadastro no site da campanha para que a pessoa participasse. Em decorrência disso, 2.662 prêmios retornaram para os cofres públicos porque não havia informações para realizar os créditos bancários. Após 90 dias da data do sorteio, o vencedor que não corrigiu as falhas e informou à Secretaria o ajuste, perde o direito ao prêmio”, explicou o coordenador da NFA, auditor fiscal, Augusto Bernardo Cecílio.

Em 2016, a coordenação da NFA mudou a regra e tornou obrigatório o cadastro para concorrer aos 26 prêmios diários (25 de R$ 200 e um de R$ 1 mil), mensais (que variam de R$ 5 mil a R$ 30 mil) e especiais (que variam de R$ 5 mil a R$ 50 mil). O número de pessoas sorteadas e não contempladas caiu sensivelmente. De janeiro a maio deste ano foram sorteadas 4.444 pessoas, deste universo, 923 não receberam os prêmios ainda.

A Secretaria divulga os ganhadores dos prêmios no site da instituição, e no site da campanha. O participante sabe, ao acessar sua conta pessoal com senha personalizada, se foi um dos contemplados.

Saldo da campanha
Até maio de 2016, o Estado do Amazonas sorteou R$ 3.036.000,00 em prêmios para os participantes que colocaram o CPF na nota. No último sorteio mensal, foram gerados 1.813.899 bilhetes eletrônicos, totalizando 680.328 notas fiscais eletrônicas com CPF, que juntas contabilizaram um total de R$ 140.766.391,74 em vendas no comércio varejista. As notas foram processadas no período de 1º a 31 de maio de 2016.

Cadastro
Desde que a campanha começou, em agosto do ano passado, mais de 202 mil pessoas cadastram o CPF no site da Campanha Nota Fiscal Amazonense e participam dos sorteios diários, mensais e especiais, que já distribuíram maisde 19.630 prêmios para cidadãos e entidades sociais. Foram emitidas 22,5 milhões de notas fiscais com CPF de agosto de 2015 até esta sexta-feira. A Secretaria de Fazenda processou 21.654.807 milhões de notas fiscais com o CPF até o dia 03.06.2016.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505