17/06/2016 07h24 - Atualizado em 18/06/2016 12h33

Tocha Olímpica chega ao Amazonas no domingo, dia 19

A tocha chegará por volta das 8h30 no Aeroporto Eduardo Gomes e será acesa às 9h na Avenida Santos Dumont.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Manaus vai receber no próximo domingo (19), a Tocha Olímpica, símbolo da maior competição esportiva do mundo. A capital amazonense é uma das cidades-sede da Olimpíada Rio 2016, que começa em agosto. A tocha deve chegar por volta das 8h30 ao Terminal de Cargas do Aeroporto Eduardo Gomes e será acesa às 9h na Avenida Santos Dumont.

O símbolo da olimpíada vai ser carregado em solo manauara por 39 quilômetros, aproximadamente. Na rota, não estão apenas pontos turísticos, segundo o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula.

“O que é importante é a gente conseguir compartilhar o sentimento, a tocha olímpica com toda a cidade. Todas as outras capitais estão optando por fazer nos pontos turísticos. A gente vai para a zona norte, a zona leste, porque o que a gente deseja, na verdade, é convidar a população a participar desse grande evento que é a olimpíada em nossa cidade”, ressaltou Bernardo.

O primeiro condutor da tocha em Manaus será o estudante da rede municipal de ensino Guilherme Domanski. Escolhido por apresentar boas notas, ele vai percorrer 200 metros de bicicleta, simbolizando o transporte alternativo.

O revezamento vai passar por duas avenidas, com parada prevista na Arena da Amazônia, às 10h30. Depois seguirá para o Paço da Liberdade, no Centro Histórico, para o Mercado Adolpho Lisboa e, em seguida, para o Teatro Amazonas. A primeira etapa do revezamento termina na Avenida Boulevard Álvaro Maia. À tarde, o revezamento será retomado em avenidas da zona leste e será finalizado com festa no Complexo Turístico Ponta Negra, por volta das 19h.

Cerca de 170 pessoas foram escolhidas para conduzir o símbolo em Manaus, entre elas atletas amazonenses. O lutador Tasso Alves fala da emoção de participar do revezamento.

“Primeiramente eu agradeço a Deus. É um momento ímpar para a cidade de Manaus e para o estado do Amazonas. E eu, como bom manauara, estou representando o estado há mais de 20 anos, competindo no Brasil e no exterior. Hoje, caiu a ficha e vou ter que conter a emoção no dia 19. Estou sem palavras”, contou o atleta de luta olímpica.

A passagem da tocha olímpica pelo Amazonas vai continuar na segunda-feira (20), a partir do Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs), às 7h30. Segundo o coordenador do Comitê Manaus 2016, Mauro Aufiero, o próximo destino será o píer do Hotel Tropical, às margens do Rio Negro, de onde seguirá em um revezamento fluvial em canoas típicas da região para os municípios de Iranduba e Presidente Figueiredo.

“Os condutores vão nadar junto com os botos em Iranduba, depois irão ao Lago do Catalão, onde há uma comunidade ribeirinha bastante interessante, ou seja, essa comunidade poderá ver de perto a tocha olímpica. De lá, ela vai em procissão descendo o Rio Negro em direção ao Encontro das Águas, onde será feita uma grande celebração. De lá, sairá diretamente para Presidente Figueiredo, onde descerá de rafting [esporte radical de descida em corredeiras] as corredeiras do Rio Urubuí”, detalhou Aufiero.

Também haverá uma celebração de encerramento da passagem da tocha pelo estado, na tarde de segunda-feira, às margens da corredeira do Rio Urubuí, em Presidente Figueiredo. De lá, ela volta para o píer do Hotel Tropical, em Manaus, seu último destino em terras amazonenses.

No dia seguinte (20), a tocha olímpica será recebida no Acre.

Fonte: Agência Brasil

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505