26/07/2016 13h55 - Atualizado em 27/07/2016 08h05

Às vésperas da Olimpíada, hotéis registram baixa procura em Manaus

A taxa de ocupação para o período não chega a 50% da oferta de quartos em 56 hotéis afiliados a Abih-AM.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A poucos dias para o início dos Jogos Olímpicos em Manaus, a rede de hotéis acumula baixa procura. A capital do Amazonas vai sediar seis jogos em rodadas duplas com seleções estrangeiras. A competição terá início no dia 5 de agosto.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Amazonas (Abih-AM), a taxa de ocupação para o período não chega a 50% da oferta de quartos em 56 hotéis afiliados a Abih-AM. Além disso, 18% das reservas nacionais e internacionais que estavam confirmadas no mês passado, foram canceladas.

“A procura foi pouca. Hoje, praticamente, nem chegamos a 50%, mas esperamos chegar em 50% de ocupação. Realmente, a procura está totalmente diferente da Copa”, disse Roberto Bulbol, presidente da Abih-AM.

Na tentativa de atrair turistas, empresários apostam na promoção com desconto de 25%. Em um hotel do Centro de Manausx, por exemplo, a diária do quarto para solteiro caiu de R$ 180 para R$ 150 reais. O de casal, baixou de R$ 210 para R$ 160, com café da manhã e internet.

Por outro lado, a procura por hospedagem em um hostel, também no Centro da capital, já está com 15 % dos quartos reservados, mesmo com a baixa procura desde novembro do ano passado. O local trabalha com hospedagem em grupos e acomodações compartilhadas com preços acessíveis.

“Esses 15% é para mês todo de agosto. A maioria é para estrangeiros”, disse Camila Gonçalves, proprietária.
Segundo a empresária, o espaço é amplo. As duas unidades têm oito suítes e sete dormitórios. O standard para casal custa R$150, enquanto que o coletivo, para até 10 pessoas, a diária é de R$ 49 reais para cada hóspede, um total de R$ 490 reais.

“Todos os hotéis têm promoção para esse período e a gente ainda espera recuperar. Que os próprios brasileiros possam assistir os jogos aqui em Manaus”, disse Bulbol.

Fonte: G1

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505