15/08/2016 09h10 - Atualizado em 15/08/2016 09h49

DPE-AM pede prisão do prefeito de Atalaia do Norte por não querer pagar tratamento para agricultor

Nonato Tenazor, descumpriu tutela de urgência concedida pela Justiça obrigando o município a pagar tratamento para agricultor da região.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Defensoria Pública do Amazonas (DPE-AM) pediu a prisão do prefeito, Nonato Tenazor, por descumprimento da tutela de urgência concedida pela Justiça, em 11 de julho, obrigando o município de Atalaia do Norte, a 1.136 quilômetros de Manaus, a no prazo de 10 dias, custear viagem, estadia e tratamento do agricultor Paulino Waldivino Possidonio, 58 anos, na capital.

Após a ação da DPE-AM a Prefeitura cumpriu a decisão e finalmente o agricultor terá acesso à prótese que substituirá “perna de pau” que usa há 46 anos.

Paulino Waldivino, que nunca teve acesso a atendimento especializado, está com sua primeira consulta marcada para esta segunda-feira(15) para tratar as dores na coluna, que podem estar relacionadas ao uso contínuo da “perna de pau” feita de madeira maciça e que pesa sete quilos.

Fonte: Redação AM POST

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505